Home / Disciplinas / Geografia / Tempo e Clima

Tempo e Clima

O tempo atmosférico e o clima são frequentemente confundidos pelas pessoas. A diferença entre ambos os conceitos está na duração dos fenômenos.

Tempo e clima

É muito comum que as pessoas confundam os conceitos de clima e tempo atmosféricos. Muitas pessoas se tratar de expressões sinônimas, o que, no entanto, não é correto. De um lado, os dois termos se referem aos fenômenos manifestos pela atmosfera terrestre, mais especificamente a subcamada da troposfera, como as chuvas, as temperaturas, os ventos e outros. No entanto, o que distância esses conceitos é a duração com que esses fenômenos acontecem.

Se, por exemplo, alguém diz que vai chover hoje ou que esse ano está sendo muito seco, essa pessoa está se referindo ao tempo atmosférico. Por outro lado, se a afirmação gira em torno de um lapso temporal maior, como o frio que faz na região sul do país em todos os invernos, então a referência é sobre o clima.

Portanto, o tempo corresponde às manifestações imediatas ou sobre um período restrito da atmosfera. Já o clima se refere à sucessão de eventos relativos ao tempo, ou seja, que formam um padrão específico e duram um período maior. Alguns especialistas consideram que, para ser considerado clima, é preciso que se estabeleça um padrão atmosférico por um período superior a 30 anos.

Alguns exemplos de afirmações referentes ao tempo atmosférico:

  • Choveu muito essa semana.
  • O ano de 2016 apresentou médias pluviométricas abaixo da média histórica.
  • Como fez calor nesse mês de agosto!
  • São esperados 100mm de chuva para a nossa região no próximo mês.

Alguns exemplos de afirmações referentes ao clima:

  • O clima predominante do Brasil é o tropical.
  • A região centro-oeste do Brasil é caracterizada por um inverno seco e um verão chuvoso.
  • A região amazônica, por conta da umidade, apresenta uma baixa amplitude térmica.
  • Em algumas áreas da região sul, é comum a ocorrência de geadas durante o inverno.