10 Doenças causadas pela falta de cálcio

O mineral é fundamental para o funcionamento do organismo, e sua falta é prejudicial a nossa saúde. Saiba 10 doenças causadas pela falta de cálcio.

0

O cálcio é um mineral de extrema importância para o nosso organismo. Isso porque sua atuação é na nossa saúde óssea e em sistema nervoso. A falta deste mineral é sentida ao longo prazo. Justamente por isso é preciso sempre consumir alimentos ricos em cálcio por toda a vida.

A deficiência de cálcio no nosso corpo é chamada de hipocalcemia. A fraqueza do mineral pode causar diversas doenças e enfermidades para o organismo.

Vitamina D

Muitos dos problemas com a falta de cálcio estão relacionados diretamente com a Vitamina D. Isso porque os níveis de cálcio no sangue são regulados pela glândula paratireoide e pela vitamina D. Ambas fazem a paridade entre a absorção do nutriente, e sua distribuição nos ossos, ou sua eliminação pelos rins.

Sendo assim, sabendo da importância do cálcio e da Vitamina D em nosso organismo, vamos passar para os riscos que a falta de ambos pode causar em nosso corpo. Saiba agora 10 doenças causadas pela falta de cálcio:

Osteoporose

É sabido por todos a importância do cálcio para os ossos. Bom, naturalmente o nosso corpo renova o tecido ósseo constantemente. Entretanto, naqueles com osteoporose a renovação não acontece com a mesma velocidade que a absorção dos tecidos antigos.

Sendo assim, os ossos se tornam mais frágeis e quebradiços. Muitos não apresentam sintomas, até que ocorra uma fratura óssea. A doença é mais comum em mulheres após os 40 anos, entretanto também a ocorrência em homens após os 50 anos de idade.

Sensibilidade nos dentes

A hipocalcemia também afeta na formação do esmalte, presente nos dentes. Tornando eles mais sensíveis, podendo ocasionar problemas como sangramento, acúmulo de placa e gengivite.

Além disso, essa falta de cálcio na infância é ainda mais perigosa. Isso porque os dados causados pela falta do nutriente são permanentes.

Fraturas

A deficiência do cálcio, bem como da vitamina D, faz com que ossos e músculos se tornem mais fracos. Ela pode provocar raquitismo em crianças e osteomalácia em adultos, deixando os ossos mais desprotegidos e sucessíveis a fraturas.

Doenças renais

A falta de vitamina D, aliada com o cálcio, pode causar doenças hepáticas ou renais. Isso porque os nutrientes são ativados pelo rins e pelo figado, para assim ser utilizado ao organismo.

Fadiga e sonolência

Como dito acima, as deficiências dos nutrientes afetam nos músculos. Essa falta pode causar fadiga e sonolência. Isso porque a vitamina e o mineral podem diminuir os níveis de energia e enfraquecerem os músculos, quando em pouca quantidade no organismo humano.

Pressão alta

Os níveis baixos de cálcio no organismo afetam a pressão arterial. Portanto, podem acarretar sérios problemas de hipertensão.

Insônia

Outro mal a saúde que a falta de cálcio pode causar é na regularidade do sono. No caso, na irregularidade do sono. As baixas taxas do nutriente podem vir causar insônia.

Pele ressecada e unhas fracas

O cálcio afeta todo o corpo. Portanto, até a pele e as unhas podem sofrer com sua deficiência. Portanto é comum o ressacamento e surgimento de rachaduras na pele. Já as unhas podem enfraquecer, quebrar facilmente e apresentar aparência fraca.

Dores menstruais intensas

O cálcio ajuda na na minimização do inchaço e das dores menstruais. Entretanto, sua falta causa os efeitos contrários, podendo as mulheres sentires mais dores e os efeitos do período menstrual.

Cãibras

A recorrência de cãibras, principalmente nas costas e nas pernas podem ser causas também pela falta de cálcio no organismo. Isso porque o nutriente também alimenta os músculos, e sua falta é sentida pelo mesmo.

Sintomas

A maioria dos sintomas para a hipocalcemia (nível baixo de cálcio) são sentidos com o tempo. Entretanto, quando os níveis do nutriente caem drasticamente alguns sinais são sentidos pelo corpo, como por exemplo:

  • cólicas abdominais;
  • crise de asma;
  • cãibras e espasmos musculares;
  • convulsões;
  • sudorese;
  • náuseas e vômitos;

Como evitar

Uma boa alimentação é crucial no aumento das taxas de cálcio no organismo. Portanto, procure alimentos ricos no nutriente, como sementes, folhosos, castanhas, leite e seus derivados.

Também é de extrema importância evitar alimentos que prejudicam na absorção de cálcio, como café, refrigerante, chocolate, chá preto e mate. Excessos de sódio também são recomendados.

Além disso, também é importante a produção de Vitamina D. Portanto, tomar sol no início e final do dia são ótimas formas de se absorver a vitamina.

PUBLICIDADE

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.