6 dicas para melhorar a sua redação

Além da orientação inicial, selecionamos seis dicas para que você melhore a produção de seus textos. Confira abaixo e comece a praticar.

0

Já parou para pensar se realmente tem se dedicado a sua redação? Caso essa reflexão traga resultados negativos, é sinal de que algo precisa ser revisto, principalmente se você tem o objetivo de crescer profissionalmente. Seja no trabalho ou no estudo, saber escrever é uma peça chave para o seu progresso e pode influenciar expressivamente no alcance de suas conquistas. Além disso, aqueles que se dedicam a escrever bem, ou seja, de forma correta e agradável, possuem mais facilidade de se relacionar com os mais variados perfis de pessoas.

Se o seu propósito é melhorar suas habilidades na redação, mas não sabe como começar a fazer isso, é importante que crie a consciência de que o principal segredo é criar o hábito de ler e escrever com freqüência. Desta forma, tenderá a enriquecer o seu vocabulário, além de se tornar mais criativo em suas ideias e expressões e adquirir o conhecimento sobre diversas regras do português formal pelo fato de usá-las regularmente. Além dessa orientação inicial, selecionamos mais seis dicas para que você melhore a produção de seus textos. Confira abaixo e comece a praticar.

1) Leia em voz alta

Por mais que pareça estranho fazer isso quando há outras pessoas por perto, essa prática pode ser fundamental no desenvolvimento de suas habilidades textuais. Não tenha vergonha, pois praticamente todos os bons escritores adotam essa técnica ao seu favor. Mas, ainda assim, você pode estar se perguntando: qual o motivo para isso? As principais razões é que quando você lê em voz alta, aumenta suas chances de encontrar erros de concordância, palavras repetidas e até frases inteiras que não são relevantes para o texto. Sempre que terminá-lo, leia-o uma vez, faça os primeiros acertos que considerar necessário, e depois faça a leitura novamente em voz alta, pois provavelmente fará mais algumas mudanças.

2) Pense no leitor

Se o conteúdo produzido não for ficar guardado em uma gaveta, procure se importar com a outra pessoa que terá contado com o seu texto. Antes de finalizá-lo, pense cuidadosamente no leitor. Será mesmo que ele vai conseguir entender o que quis dizer no seu texto? Usou as palavras corretas? Foi objetivo e claro o suficiente? Qual a impressão que ele terá de você a partir desse contato? Haverá o interesse de concluir a leitura? Diante dessas questões, é importante que esteja consciente de que independe do nível cultural de uma pessoa, é necessário que ela consiga fazer com que os outros a compreendam para que seja bem sucedida em sua comunicação.

3) Tenha bom senso

Tenha bom senso na produção do seu texto e esteja ciente de que o exagero pode gerar diversas interpretações negativas. O sugerido é que tenha cuidado com o tamanho, com o uso de palavras complicadas demais ou com os adjetivos. Lembre-se sempre que atualmente as pessoas não possuem muito tempo para se dedicar a uma só leitura, por isso prolongar o texto pode desmotivá-lo a continuá-la até o fim.

4) Introdução, desenvolvimento e conclusão

Por mais que você queira inovar na produção do seu texto opinativo, tente seguir o roteiro básico: introdução, desenvolvimento e conclusão. A introdução diz respeito à apresentação do tema, seguida do desenvolvimento, que traz os argumentos necessários para justificar o seu ponto de vista e, a conclusão, em que você fecha o seu raciocínio.  Caso essas fases não sejam seguidas nessa ordem, pode comprometer a linearidade do texto e o entendimento do leitor.

5) Tenha pensamentos simples

Por mais que você queira utilizar palavras rebuscadas para descrever seus pensamentos, é fundamental que mude essa postura para facilitar o entendimento do outro. É muito chato ouvir uma pessoa falar por horas e horas e no final não concluir o raciocínio. Procure verificar se o que está dizendo tem algum sentido e evite usar frases inacabadas. Lembre-se de se manter coerente na explicação de suas ideias e procure seguir a regra básica do começo, meio e fim.

6) Mantenha uma ideia em cada parágrafo

Os parágrafos são fundamentais para separar as ideias do texto e puxar um gancho entre um assunto e outro do mesmo tema. Procure incluir essa prática na sua produção e evite fazer parágrafos grandes demais ou que possam confundir o leitor.

PUBLICIDADE

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.