Auxílio Doença ganha novo formato de solicitações; entenda

MP publicada pelo Governo Federal alterou algumas normas de análise e concessão do benefício.

O Auxílio Doença, agora chamado de Benefício por Incapacidade Temporária, é disponibilizado para aqueles que tenham se acidentado ao ponto de impossibilitar suas funções laborais por mais de 15 dias de forma provisória e não permanente.

Recentemente, o Governo Federal publicou uma Medida Provisória que alterou algumas normas de análise e concessão dos benefícios – inclusive o Auxílio Doença. Acompanhe a leitura e confira o que muda!

Leia mais: Trabalhadores autônomos podem contribuir para o INSS?

Confira o que muda com a aplicação da nova regra

De início, a avaliação da perícia médica do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) não será mais necessária para haver uma garantia de liberação do Auxílio. Agora, a possibilidade de concessão do benefício poderá passar por uma avaliação documental que comprove a incapacidade temporária do contribuinte.

Este meio não é algo muito diferente do antes praticado, visto que o modelo foi adotado durante os anos de 2020 e 2021 em decorrência das restrições sanitárias ocasionadas pela pandemia. Assim, a medida continuará em vigor para este ano, conforme a publicação feita no Diário Oficial da União — Medida Provisória 1.113 no dia 20 de abril.

Veja como fazer a solicitação do Auxílio Doença

Sendo assim, para dar entrada no Auxílio Doença, o segurado deve utilizar um dos canais de atendimento disponibilizados pelo Instituto Nacional do Seguro Social. Confira como abaixo:

  • Antes de tudo, é necessário acessar o portal do Meu INSS;
  • Após isso, realize o login no sistema, mas caso não tenha uma conta já criada, clique na opção de “Criar Conta”
  • Após submeter seus dados e acessar a conta, selecione a alternativa “Agende sua Perícia”, no menu lateral esquerdo da página;
  • Depois, selecione “Agendar Novo”, caso seja o primeiro pedido ou em “Agendar Prorrogação” para tentar prorrogação do benefício;
  • Agora basta acompanhar o processo através do Meu INSS, na opção “Resultado de Requerimento/Benefício por Incapacidade”.
você pode gostar também

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More