Como surgiu a Terra?

A teoria mais aceita sobre a formação da Terra afirma que o nosso planeta surgiu há cerca de 4,6 bilhões de anos.

1

Como surgiu a Terra?

A Terra, de um modo geral, surgiu a partir da agregação de uma grande quantidade de materiais existentes no espaço, que se agruparam graças à força gravitacional que se estabeleceu em torno de um centro de massa.

Estima-se, da mesma forma, que esse processo de surgimento do nosso planeta tenha acontecido logo após a formação do nosso sistema solar, como consequência desse evento.

O sol, que se originou de uma grandiosa nuvem de gás e poeira estelar, foi o grande motor para o surgimento da Terra e seus vizinhos. Isso porque algumas partes remanescentes dessa nuvem deram origem a componentes sólidos que iriam, mais tarde, formar a estrutura dos planetas, com gelo e rocha.

Logo depois, a acumulação de energia radioativa das rochas da Terra fez com que o material formado entrasse em estado de fusão. Os materiais mais pesados, como o Ferro e o Níquel, se acumularam nas partes mais profundas e formam, hoje, o núcleo terrestre.

Surgimento da Terra
Surgimento da Terra

Depois de 500 milhões de anos desde o início do processo de origem da Terra, a crosta terrestre, então inexistente, começou a ganhar forma a partir da gradativa solidificação do material rochoso incandescente que flutuava sobre a superfície.

Depois da formação da crosta terrestre, os vulcões que se constituíram junto a ela entraram em erupção ao longo de milhões e milhões de anos, emitindo os gases que formaram a atmosfera terrestre, muito embora a composição dessa atmosfera, na ocasião, fosse muito diferente dos dias de hoje. Entre esses gases, havia muito vapor de água que foi se condensando e dando origem a muitas e grandiosas chuvosas, responsáveis pela existência dos oceanos da Terra, que apresentavam uma composição inicial bastante ácida.

Veja também: A Estrutura Interna da Terra

Vale destacar que a crosta terrestre apresenta uma forma não contínua, ou seja, durante o seu processo de formação, devido à interferência das forças internas realizadas pelo manto terrestre, ela estruturou-se em vários “pedaços”, que chamamos de placas tectônicas e que estão em constante movimento. Por isso, antes existia apenas um continente, o Pangeia, que se desmembrou gradativamente na estrutura continental atual.

PUBLICIDADE

você pode gostar também

  1. Valdionor Ricarte Diz

    kkkkkkkk e kkkkkkkkkk

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.