Confira quais as raças de cachorros mais comuns de serem roubadas

O comércio de pets roubados cresceu muito no Brasil. Se você tem um pet, saiba quais são as raças de cachorro mais roubadas em nosso País

Infelizmente o roubo de animais é uma realidade desagradável presente no nosso País. Há raças de cachorro mais roubadas que outras e até mesmo os sem raças definidas tendem a passar por este perigo, dependendo da possibilidade de ser vendido. Neste artigo vamos falar sobre as oito raças que correm mais perigo de passar por essa situação.

Oito raças mais visadas para roubo

Dentre as raças mais visadas estão também as mais comuns e populares ou as mais difíceis que são, consequentemente, as mais observadas.

Dentre as que estão sendo mais furtadas estão:

  • Yorkshire Terrier;
  • Maltês;
  • Chihuahua;
  • Labrador;
  • Retriever;
  • Lulu de Pomerânia;
  • Shih Tzu;
  • Buldogue Francês;
  • Boston Terrier.
Lembrando que estas são as raças de cachorros que mais se registram ocorrências de roubo, mas todos podem acabar sofrendo com esse crime, então precisamos redobrar nossas atenções com nossos bichinhos.

Saiba evitar esses furtos

Pensando no melhor para nossos animaizinhos podemos tentar evitar expô-los a situações de risco.

Em lugares públicos é necessário estar sempre prestando atenção na aproximação de estranhos ao nosso redor, e assim, de alguma forma, podemos tentar nos afastar do meliante ou ainda nos aproximar de outras pessoas, para tentar dificultar a ação do ladrão.

Além disso, uma pessoa mal intencionada pode acompanhar sua rotina com o pet por dias, a fim de escolher o melhor momento para o furto.

Então você pode dificultar essa ação variando os dias e horários do passeio, modificando sua rotina para que não saibam quando estará na rua.

Outra informação interessante é andar no sentido contrário ao dos carros, pois quando fazemos isso prestamos mais atenção no que está por trás de nós e com isso você evita estar distraído caso alguém chegue por trás.

Usar coleira é fundamental para manter seu pet sempre por perto. Ademais, opte por coleiras gravadas, pois é importante ter seu nome e número levados junto ao pescoço de seu cão, assim, caso ele se perca ou fuja, ao ser achado na rua por alguém, essa pessoa saberá que o cachorro tem dono e não que foi abandonado.

Gostou dessas dicas de como cuidar dos nossos cães e quer ler mais textos como esse? Basta clicar aqui!

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More