Conheça mais sobre a acupuntura para cães

Você já ouviu falar sobre a técnica da acupuntura, mas você sabia que ela também pode ser aplicada em cães para melhorar a saúde dos pets?

Os chineses acreditam que os corpos são feitos de energia e que ela se acumula em certos pontos chamados meridianos. Quando a energia desses meridianos está desequilibrada podemos ter inflamações, dores e cansaços.

Portanto, a técnica de acupuntura se baseia na aplicação das agulhas para circular a energia e equilibrar os meridianos novamente. Assim, ela tem efeitos analgésicos e anti-inflamatórios no corpo. Porém, o que pouco se sabe é que a técnica de acupuntura também pode servir em cães. Se quiser saber mais sobre os benefícios dessa técnica para o seu pet, então acompanhe a leitura!

Obviamente, essa terapia deve ser feita apenas por profissionais e seguindo orientação do médico veterinário. Geralmente recomenda-se para melhorar a qualidade de vida do animal que sofre com dores ou para evitar cirurgias invasivas e o uso de medicamentos.

Benefícios da acupuntura para esses animais

Quando nos referimos a acupuntura canina, os casos em que mais há indicação são para animais idosos com dores decorrentes de problemas musculares e ósseos. Esses problemas normalmente são artrose e displasia, no entanto,  também pode ajudar cães que sofreram algum acidente.

Ademais, por melhorar o fluxo sanguíneo, pode ser servir para animais imperativos e estressados, pois vai acalmá-los, e para cães que passam por fisioterapia.

De forma geral, a acupuntura canina tem muitos benefícios, porém como foi dito acima, cada meridiano apresenta uma função específica e sua utilização será de acordo com o objetivo do tratamento. Veja alguns:

  • Alivia dores na boca após extrações, gengivites ou até mesmo faringite;
  • Alivia inflamações em doenças respiratórias como asma e bronquite;
  • Auxilia no tratamento de problemas gastrointestinais (ulceras e gastrite) e ortopédicos (artrite e artrose);
  • Pode ajudar cães ansiosos, imperativos, depressivos ou com distúrbios emocionais;
  • Melhora a cicatrização da pele e por isso pode ser útil no tratamento de problemas dermatológicos.

Existem riscos?

A acupuntura não é invasiva, mas só será 100% segura quando for feita por um profissional, pois normalmente inserem-se as agulhas em músculos e nervos.

Assim, os profissionais precisam ter um excelente conhecimento de anatomia para evitar possíveis lesões ou traumas. Ademais, é preciso estar seguro sobre a técnica, já que a profundidade que as agulhas alcançam varia de acordo com a região anatômica e o foco do tratamento.

Também é preciso se preocupar com as condições do ambiente que a acupuntura vai ser feita, bem como com a esterilização correta das agulhas e limpeza da pele. Caso contrário, é possível abrir espaço para infecções bacterianas e virais.

Se você achou esse texto interessante, então clique aqui para ler mais sobre cães e outros assuntos diversos!

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More