Você consegue identificar qual o homem mais alto nessa ilusão de ótica?

Para saber a resposta é preciso prestar bastante atenção na dimensão de cada um dos homens e no lugar onde estão.

Nas ilusões de ótica o nosso cérebro é rapidamente “enganado” por algumas figuras que “não são de fato aquilo que parecem ser”. Por isso, é preciso muito foco para desvendar o mistério da imagem, e esse exercício faz muito bem ao nosso cérebro.

Nesse sentido, estudos apontam que a nossa mente precisa desses exercícios para estar em atividade e, consequentemente, saudável. Portanto, venha treinar um pouco a sua mente com essa ilusão de ótica do homem mais alto!

Leia mais: Esta ilusão de ótica pode revelar suas fraquezas nos relacionamentos.

Qual o homem mais alto?

homem mais alto

Ao olharmos superficialmente a imagem, temos a sensação de que o terceiro homem armado é o mais alto. Semelhantemente, nós olhamos para o primeiro homem como o menor dos três na imagem. Entretanto, um olhar mais cuidadoso é capaz de notar que, na verdade, todos os homens são do mesmo tamanho!

No caso, perceba que existem escalas de tamanho horizontais que ficam ao fundo da imagem que criam a sensação visual de que esses homens não estão em linha reta. Os intervalos entre as linhas diminuem conforme eles chegam à direita, o que cria essa noção de que o da direita seria mais alto que o da esquerda. No entanto, se os colocássemos em linha reta perceberíamos que todos eles têm a mesma estatura, e que a ideia de que um é maior que o outro é apenas uma ilusão.

O que acontece em nosso cérebro com uma ilusão de ótica

É preciso entender que quem analisa as imagens que enxergamos é o nosso cérebro, responsável pela interpretação dos estímulos sensoriais. Normalmente, o nosso cérebro interpreta as imagens com base no nosso histórico de percepção, o que pode fazer com que venhamos a confundir a realidade.

No caso, as ilusões de ótica buscam justamente provocar uma confusão inicial em nosso cérebro para então nos forçar a analisar as imagens com mais cuidado. Esse exercício pode estimular um olhar mais atento para as situações de nossa vida e um cérebro mais pronto para buscar a resolução de problemas.

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More