Doze Profetas (Aleijadinho)

A série de profetas de Congonhas é uma das mais completas da iconografia cristã ocidental.

0

Aleijadinho, artista brasileiro que representou a fase do barroco brasileiro como expressão artística maior a poesia, a arquitetura e a escultura, produziu a escultura dos “doze profetas” feitas em pedra-sabão feitas entre 1794 a 1804 localizadas no adro do Santuário do Bom Jesus de Matosinhos, no município de Congonhas.

Aleijadinho teve certamente conhecimento do tema, através de gravuras, forma usual da difusão dos temas iconográficos e artísticos na era anterior à fotografia. Tanto que a coroa de louros de Daniel e a baleia de Jonas são curiosamente análogas às gravuras editadas em Florença no século XV.

As doze esculturas dos profetas no adro do santuário de Congonhas,  estão colocadas de maneira que se relacionem e cumpram a função de convidar o fiel a subir as escadarias e ouvir a palavra divina da qual são os mensageiro

Veja cada um separadamente:

01 of 1 Isaías
Jeremias
Baruque
Ezequiel
Daniel
Oséias
Joel
Abdias
Amós
Jonas
Habacuque
Naum

PUBLICIDADE

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.