Energia Suja e Energia Limpa- O que é, exemplos, fontes, Brasil

A Energia Suja é esgotável e causadora de poluição nas cidades e do aquecimento global. Como alternativa existe a Energia Limpa ou renovável. Confira exemplos.

0

O que é Energia Suja?

1 O que é Energia Suja?

A Energia Suja ou Energia não Renovável é a obtida a partir de fontes que geram poluentes  na atmosfera e trazem malefícios para o meio ambiente e para a saúde das pessoas.

São usadas, principalmente, para a geração de energia elétrica como é o caso das usinas termelétricas que usam carvão mineral, ou nos meios de transportes, que, em sua maioria, são movidos por gasolina e diesel. Esse tipo de energia tem esse nome, porque seu uso geralmente gera poluição do ar.

Uma importante característica da energia suja é que ela é gerada por fontes que se esgotam com o tempo, seja em um futuro próximo ou a médio e longo prazo. Esse tipo de energia é o principal causador do aquecimento global e das mudanças climáticas.

Fontes de Energia Suja:

2 Fontes de Energia Suja:

  • Petróleo (gasolina, diesel e querosene de aviação)
  • Carvão mineral
  • Carvão vegetal (lenha)
  • Energia Nuclear – Principalmente em razão do lixo atômico gerado no processo.
  • Gás natural – além de ser uma fonte não renovável, seu uso também gera poluição do ar.
  • Desvantagens da Energia Suja:

Causam poluição ambiental, principalmente do ar, gerando problemas de saúde nas pessoas. Os habitantes de grandes centros urbanos são os que mais sofrem as consequências.

São os principais causadores do aquecimento global e de mudanças climáticas.

São energias caras. As usinas termelétricas, por exemplo, possuem custos de operação mais elevados do que as hidrelétricas.

Esse tipo de energia  gera disputas envolvendo a extração e comercialização de matérias-primas.

Em muitos casos, a energia suja também apresenta desvantagens financeiras, porque possui custos de operação e manutenção muito elevados.

O que é Energia Limpa?

3 O que é Energia Limpa?

Energia limpa é a produzida a partir de recursos renováveis e que não produzem menos resíduos poluidores ao ambiente. Trata-se do tipo de energia considerado ideal, pois não causa tantos impactos e influências negativas à natureza como as energias sujas.

Fontes de Energia Limpa:

4 Fontes de Energia Limpa:

  • Energia eólica (gerada a partir da força dos ventos);
  • Energia solar (gerada por raios solares);
  • Biocombustíveis, que são produzidos a partir de produtos naturais como mamona e cana de açúcar;
  • Energia Hidráulica; energia gerada por usinas hidrelétricas.

 

Energia suja no Brasil

5 Energia suja no Brasil

Embora o Brasil tenha grande potencial hidroelétrico, a energia suja ainda é muito usada no país. Isso ocorre, pois a geração de energia das hidrelétricas não supre a demanda do mercado em épocas de crise hídrica e principalmente nos horários de pico de consumo (entre 18h e 20h) e no verão.

As usinas termelétricas, mais caras e poluentes,  que usam carvão mineral como fonte de energia, costumam ser acionadas nestes momentos. Uma situação como essa aconteceu  no verão de 2013-2014, quando o nível de chuvas ficou muito abaixo do normal.

Se tratando dos meios de transporte, embora o Brasil apresente um bom índice  de produção de etanol, os país ainda é muito dependente de combustíveis fósseis como a gasolina e diesel como fontes de energia.

No ano de 2017, aproximadamente  50% da energia produzida no Brasil teve como origem fontes consideradas sujas, petróleo, carvão mineral e lenha vegetal.

Alternativas para a Energia Suja

6 Alternativas para a Energia Suja

O ideal é que as empresas e governos e pessoas possam substituir o uso das fontes sujas pelas fontes limpas e renováveis.

Usar bicicletas, veículos elétricos, transportes públicos, e caminhar são medidas simples para reduzir a poluição do ar gerada pela queima de combustíveis fósseis.

Energias eólica e solar podem ser alternativas para residências e empresas diminuírem o uso de fontes sujas de energia.

O uso do etanol no lugar da gasolina também é uma boa saída para diminuir o uso da poluidora gasolina.

Quando possível, os países também devem utilizar ao máximo seus recursos hídricos para gerar energia elétrica, substituindo a queima de carvão mineral usada nas termelétricas pela energia gerada pela água.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.