Jeito ou geito?

Jeito com ‘j’ ou geito com ‘g’? Você também já se fez essa pergunta? Se a sua resposta for sim, saiba que você e boa parte dos que possuem a mesma dúvida.

0

Jeito com ‘j’ ou geito com ‘g’? Você também já se fez essa pergunta? Se a sua resposta for sim, saiba que você e boa parte dos falantes da língua portuguesa possuem a mesma dúvida, portanto, você não está sozinho! Quer saber a resposta para mais uma dúvida da língua portuguesa? Acompanhe a explicação que o site Escola Educação preparou para você e bons estudos!

Só há uma maneira de escrever a palavra em questão, e essa maneira é… JEITO! Isso, por favor, a palavra “jeito” deve ser escrita com ‘j’, jamais com ‘g’. O vocábulo, morfologicamente classificado com um substantivo masculino, deve ser empregado sempre que quisermos nos referir a maneira, habilidade, capacidade, disposição ou aparência de alguém ou de alguma coisa. Pode ser empregada também para fazer referência a uma solução ou a uma arrumação. A confusão, muito comum, apresenta uma justificativa gramatical: A troca entre g e j é um erro recorrente na língua portuguesa, se devendo ao fato das consoantes g e j representarem o mesmo fonema quando formam sílaba com a vogal i e com a vogal e: ge/je ou gi/ji.

A palavra jeito tem origem no latim jactus, particípio passado de jacere, por isso, conforme sua etimologia, deve ser escrita com ‘j’ inicial. Da mesma forma as palavra cognatas, tais quais jeitoso, ajeitar, ajeitado etc. Além da justificativa acima, vale lembrar que na língua portuguesa, geralmente se escreve j antes do ditongo ei: queijeiro, jeitoso, desajeitado, cerejeira, laranjeira, desajeitado etc. Como toda regra tem sua exceção, existem palavras que, embora apresentem o ditongo em questão, são grafadas com ‘g’: estrangeiro, passageiro, ligeiro etc.

Observe agora alguns exemplos:

A aluna tem muito jeito para a dança de salão! (habilidade)

Eu fiz tudo do jeito que achava correto. (maneira)

A tesoura que você me emprestou deu muito jeito. (utilidade)

Quando vi que todos na sala estavam me observando, fiquei sem jeito. (constrangimento)

Desisto de você porque você não em jeito! (conotação pejorativa ou comentário afável)

Ele deu um mau jeito no braço e precisou imobilizá-lo. (torcedura)

Pelo jeito, não conseguiremos chegar na faculdade a tempo. (probabilidade)

Dei um jeito na casa antes de você chegar. (resolução de um problema)

Luana Alves
Graduada em Letras

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.