Novotec: Programa oferece 23 mil vagas para cursos rápidos gratuitos

As oportunidades são para jovens da rede estadual, e serão divididas entre as modalidade de ensino presencial e de educação a distância.

0

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE) e o Centro Paula Souza, oferecem juntamente com o Governo de São Paulo o Programa Novotec. O projeto é voltado para jovens do ensino médio da rede estadual.

Sendo assim, o programa oferece aos jovens cursos rápidos e gratuitos de qualificação profissional. Deste modo, serão abertas 23 mil vagas. As oportunidades estarão divididas entre duas modalidades, a Novotec Expresso, que é presencial, e Novotec Virtual, via educação a distância (EaD).

Cursos

Na modalidade Novotec Expresso são mais de 15 cursos ofertados. Dentre eles, temos os de Criação de Sites e Plataformas Digitais, Youtuber, Análise de Dados e Segurança Cibernética Básica. Assim como, Gestão de Pequenos Negócios, Jogos Digitais, Arquitetura de Sistemas e vários outros.

Além disso, a carga horária para este módulo é de 200 horas. As aulas serão ministradas em escolas da Secretaria da Educação, Escolas Técnicas e Faculdades De Tecnologia, por todo o estado.

Por outro lado, os cursos oferecidos pelo Novotec Virtual serão os de Assistente de Desenvolvimento de Sistemas e o de Assistente de Planejamento. Sendo assim, os cursos terão carga horária de 400 horas. O módulo vai utilizar a estrutura de ensino a distância da Universidade Virtual do Estado de São Paulo.

Inscrições

As inscrições para os cursos do Novotec Expresso estarão abertas entre os dias 3 e 16 de junho de 2019. Já para o Novotec Virtual elas estarão disponíveis entre os dias 24 de junho a 7 de julho.

Deste modo, ambas as inscrições serão realizadas pelo site do Novotec. Entretanto, o site só ficará disponível a partir do dia 3 de junho.

As aulas de ambos os cursos terão início em agosto. Sendo assim, na modalidade presencial as aulas começam no dia 1° de agosto. Por outro lado, na modalidade EaD as aulas terão início na segunda semana do mesmo mês.

Todos os alunos da rede pública estadual podem se inscrever, entretanto alguns critérios serão levados em consideração na seleção dos estudantes.

Deste modo, alguns deles sera a igualdade de gênero nas turmas, e alunos matriculados em escolas que ficam a menos de dois quilômetros do local do curso. Além disso, também serão considerados jovens em condições de vulnerabilidade social.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.