O que colocar como objetivo no currículo? Frases e dicas valiosas

0

O currículo é uma das maiores portas de entrada para o mercado de trabalho. Sendo assim, tê-lo sempre atualizado e bem estruturado é fundamental. Mas e como elaborar um bom documento?

Ele será um breve resumo da sua vida profissional e acadêmica, além de sua apresentação pessoal. Portanto, será composto por dados pessoais, formação, objetivo e experiências profissionais e ainda descrição de suas habilidades e atributos relacionados a área de atuação.

O objetivo profissional é um dos campos mais importantes do currículo, e talvez, um dos que mais despertam dúvidas nos candidatos na hora de escrever. Neste artigo vamos desvendar tudo sobre o item: qual a estrutura, como preencher e o que deve ser evitado.

Veja todas as dicas, e aumente as chances de se destacar em meio aos milhares de currículos que os departamentos de seleção recebem diariamente.

Como fazer o objetivo do currículo

Definindo de forma bastante simplificada, a analista de Recursos Humanos (RH), Gabriela Santos, diz que o “objetivo do currículo deve conter o tipo de cargo ou segmento ao qual a pessoa está se candidatando”.

Um objetivo bem escrito, claro e certeiro pode fazer com o que o recrutador veja o profissional com outros olhos. De acordo com a diretora de RH, Gleici Ibañez, este é um grande diferencial. “Quando o candidato coloca o objetivo, eu já sei o que ele quer e quais são as suas habilidades”, esclarece Ibañez.

Ainda segundo a diretora de RH “o objetivo é a porta de entrada do currículo, a primeira coisa que a gente lê. Então, o que deve conter ali é quase que como uma breve apresentação das habilidades e competências da pessoa e o que ela pretende”.

Confira exemplos do que usar no objetivo do currículo:

  • Busco atuação na área de Marketing como analista de mídias sociais.
  • Almejo a vaga de gerente de vendas e através deste cargo assumir novos desafios.
  • Meu objetivo é atuar na área de Comunicação Empresarial, trabalhando com assessoria e comunicação estratégica.
  • Quero atuar como Analista Fiscal.
Vale lembrar que os recrutadores recebem inúmeros currículos todos os dias. Por isso, sabem diferenciar frases originais de modelos copiados da web. Use os modelos para se inspirar, mas adeque o conteúdo a sua realidade e seja sempre autêntico. Isso também fará com que ganhe pontos com seu futuro entrevistador.

O que não colocar no objetivo do currículo

Segundo reportagem do G1, “um levantamento feito pela agência de empregos Luandre mostrou que 15% dos profissionais perdem oportunidades de emprego por ter um currículo ruim, que não conta com todas as informações necessárias para a avaliação do candidato”.

Sendo assim, também é importante estar atento ao que deve ser evitado e ao que jamais deve ser usado.

Com uma vasta experiência na área, Gleice Ibañez esclarece que é preciso colocar um objetivo verdadeiro, ao invés de usar frases como “meu objetivo é crescer dentro da empresa” e “aprender da empresa”.

Segundo ela, é possível perceber que estes exemplos tratam-se apenas de cópias retiradas de algum lugar.

Ou seja, dá um pouco mais de trabalho, mas vale a pena adequar o currículo de acordo com cada oportunidade que irá pleitear. Isso fará com que o profissional responsável pela seleção saiba que está inteiramente focado naquela vaga.

Veja abaixo alguns exemplos do que nunca colocar no objetivo do currículo:

  • Contribuir para o crescimento desta renomada empresa.
  • Mostrar minhas habilidades e competências.
  • Procuro novos desafios.
  • Quero atuar na área de vendas, administração ou na de recursos humanos.
É importante ressaltar que não é aconselhável colocar mais de um objetivo no currículo, como no último exemplo acima. Isso pode dar a sensação de indecisão a respeito de sua carreira. Se você não definiu um cargo, é possível deixar mais abrangente colocando apenas a área de atuação.

Dicas de objetivo para o primeiro emprego

E para quem está em busca da primeira oportunidade no mercado de trabalho? Sem experiências profissionais, o candidato deve dar ênfase às suas melhores qualificações e habilidades.

Essa lista inclui formação escolar, idiomas, voluntariado, intercâmbio, cursos extracurriculares e profissionalizantes e até mesmo atividades fora do mercado de trabalho formal, desde que sejam relacionadas a área da vaga.

Mesmo sendo o primeiro emprego, é importante não ser muito genérico. Assim como profissionais que buscam recolocação, os iniciantes devem ter objetivos claros.

Assim, é válido colocar no objetivo frases como:

  • Busco minha primeira experiência profissional na área de Contabilidade.
  • Quero atuar na área Administrativa para desenvolver os conhecimentos adquiridos em minha formação.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.