O que significa e quais as funções de um CEO?

O CEO é o cargo mais alto de um funcionário em uma empresa.

0

Em geral, CEO é a sigla para Chief Executive Officer, em português significa Diretor Executivo. CEO é considerado o mais alto funcionário de uma empresa.

No entanto, na governança corporativa e na estrutura, muitas permutações podem ocorrer, de modo que os papéis de CEO e presidente podem ser diferentes, dependendo da empresa.

O conselho de administração é eleito pelos acionistas de uma empresa e geralmente é composto tanto por diretores internos, que são executivos seniores da empresa, como por conselheiros externos, que são indivíduos não empregados pela empresa.

Quais a função de um SEO?

O conselho estabelece políticas de gestão corporativa e decide sobre questões corporativas de grande porte. Como o conselho é responsável pelas funções executivas e o CEO é responsável por integrar a política da empresa às operações do dia-a-dia, o CEO muitas vezes ocupa o papel de presidente do conselho.

Outro fator que determina as posições dos executivos da empresa é a estrutura corporativa. Por exemplo, em uma corporação com muitos negócios diferentes (um conglomerado), pode haver um CEO que supervisiona vários presidentes, cada um executando um negócio diferente do conglomerado e reportando-se ao mesmo CEO. Em uma empresa com subsidiárias, seria incomum uma pessoa desempenhar os papéis de CEO e presidente.

Uma empresa sem subsidiárias pode ter uma pessoa executando os papéis de CEO e presidente. Dessa forma, maior comunicação e contato podem ser alcançados entre a diretoria que define as políticas e o responsável que supervisiona as operações do dia-a-dia.

Os presidentes geralmente ocupam o cargo de diretor de operações (COO). O COO, responsável pelas operações do dia-a-dia, tem vice-presidentes para diferentes partes da empresa que se reportam a ele ou ela. Geralmente, o conselho de administração define a política, o presidente executa a política e reporta ao conselho. Finalmente, o conselho informa os acionistas, os proprietários finais.

Estes são exemplos de cenários gerais. O CEO nem sempre é o presidente do conselho e o presidente nem sempre é o COO. Qualquer que seja o arranjo, o objetivo final da governança corporativa é gerenciar efetivamente o relacionamento entre proprietários e tomadores de decisão e aumentar o valor da empresa para os acionistas.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.