Rússia sente estrago na economia após iniciar ataques à Ucrânia

O Banco Central da Rússia tem cerca de US$ 630 bilhões congelados, que é o valor estimado de suas reservas internacionais.

Após mais de uma semana de ataques, a Rússia já começa a sentir economicamente o peso de suas ações contra a Ucrânia. O Banco Central russo tem cerca de US$ 630 bilhões congelados, que é o valor estimado de suas reservas internacionais. Para frear a população que está correndo aos bancos para tentar resgatar algum dinheiro, o BC dobrou as taxas de juros. Desta forma, será muito difícil para a Rússia se manter em pé financeiramente, mesmo com ajuda da China.

A Bolsa de Moscou também foi fechada para conter a queda das ações, que mergulhou 30% a frente do dólar. O país também foi expulso do sistema financeiro Swift, que interliga os pagamentos internacionais entre países.

Já são oito dias de ataque à Ucrânia, em uma luta violenta para tomar a capital Kiev. O presidente russo Vladimir Putin declarou guerra no último dia 23 de fevereiro e já atacou diversos pontos do país. O número estimado de civis mortos nestes ataques até o momento passa de 2.000.

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More