Universidade recebe ameaça de atentado semelhante ao de Suzano

A Universidade Federal de Goiás (UFG) recebeu uma ameaça de atentado. De acordo com a instituição, as autoridades de segurança já foram alertadas.

0

A Universidade Federal de Goiás (UFG) recebeu uma ameaça de atentado. De acordo com a instituição, as autoridades de segurança já foram alertadas e estão investigando o caso. Está não é a primeira vez que uma universidade recebe ameaças.

Desde a tragédia na escola Rui Brasil, em Suzano, universidades em Pernambuco, Rio Grande do Sul e Ponta Grossa também receberam ameaças. No caso da UFG, as ameaças foram por e-mail.

Nota

Confira na íntegra a nota da UFG sobre o caso:

A Universidade Federal de Goiás recebeu no dia de hoje, via e-mail, mensagem contendo ameaças de atentado na instituição. Em face disso, a Reitoria da UFG acionou, preventivamente, as Polícias Federal e Militar e, ainda, reforçou sua segurança interna.

A UFG adotou essas medidas com o objetivo de proporcionar a manutenção de todas as atividades com segurança e tranquilidade, preservando a integridade física da comunidade universitária.

A Reitoria reitera o seu compromisso com os princípios democráticos, a liberdade de expressão, a diversidade cultural e o pluralismo de ideias, valores basilares da Constituição Federal e da Declaração Universal dos Direitos Humanos, e repudia quaisquer formas de violência, discriminação e exclusão social.

Violência Escolar

A violência escolar é uma doença social multifacetada e pode ocorrer por diversas razões. Uma das quais é o uso de substâncias, como drogas e álcool. Alunos, funcionários da escola ou membros da sociedade sob efeitos desses tipos de substâncias tendem a perder o controle de suas inibições e, muitas vezes, agem de maneira irracional.

Assim, o efeito das drogas no corpo humano pode servir como um catalisador para a violência escolar.

Outra causa da violência escolar pode ser problemas de personalidade. A timidez, por exemplo, pode fazer com que um estudante se sinta deslocado entre os alunos. Isso pode influenciar, assim, a ser rebelde ou a ser notado por qualquer meio. Esse comportamento também pode resultar em bullying e brigas de gangues.

Além disso, a violência escolar pode surgir devido às deficiências psicológicas criadas por lares disfuncionais. Preocupação, ódio, complexo de inferioridade, raiva e outras emoções negativas que alimentam o comportamento violento, podem se desenvolver nas pessoas quando elas são expostas a conflitos entre os membros da família.

Além disso, em lares onde os pais/responsáveis ​​exibem comportamento violento, as crianças/jovens geralmente adotam a violência como forma de afirmar autoridade.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.