Confira alguns vulcões que você pode incluir no seu roteiro de viagem

Está planejando uma viagem inesquecível e não sabe o que incluir no roteiro? Conheça alguns vulcões que podem ser visitados.

Os vulcões são uma das formas mais expressivas da natureza de demonstrar sua força. A exuberância que eles possuem inebria quem os vê, apesar de também causar medo. Eles estão presentes em todos os continentes, pois são consequência da movimentação existente na Terra e encontrá-los, não é uma tarefa difícil de realizar. Quer saber mais sobre o assunto? Então veja nesse artigo alguns vulcões que podem ser visitados e inclua alguns no seu roteiro de viagem.

Primeiramente os vulcões são montanhas que surgiram a partir de placas tectônicas, desde os primórdios. Embora sejam uma paisagem que dá um certo medo, os viajantes procuram muito por eles. Essas pessoas buscam os vulcões que estão inativos, bem como aqueles que estão ativos, mas podem receber visitas.

Devido a isso, esses vulcões são excelentes sugestão de para aquela viagem inesquecível, que vai marcar a sua história, bem como render ótimas fotos. Confira algumas dicas de vulcões incríveis ao redor do mundo.

  • Vesúvio

Em primeiro lugar temos um dos mais famosos vulcões do planeta. A sua história foi é famosa pelo fim das cidades italianas, Pompeia e Herculano, que desapareceram após uma de suas erupções. As ruínas de Pompeia podem ser visitadas, assim como o topo do vulcão, caso você não tenha medo de uma longa e difícil caminhada.

  • Etna

Em segundo lugar temos o maior vulcão do continente Europeu, que localiza-se na Itália, na região da Sicília. Possui 3.329 m de altura e nem todas as suas crateras podem ser visitadas. Apenas aquelas denominadas Silvestre podem receber visitantes em seu interior.

  • Mount Kilauea

Em terceiro lugar temos o Mount Kilauea, que fica localizado no Havaí. Ele é considerado o vulcão mais ativo do parque nacional dos vulcões, o que o torna bastante atrativo para um relevante número de turistas.

É possível ver a lava escoando para o oceano, pois o parque onde ele fica localizado dispões de estrutura e segurança adequados para tal. A última erupção do Etna foi em 2020.

  • Sakurajima

Em quarto lugar, temos um vulcão japonês ativo, que fica localizado em Kagoshima. Em 1914 houve a erupção deste vulcão e isso fez com que a geografia do lugar sofresse alterações. Desde então houveram diversas erupções. Assim, se quiser inserir esse vulcão em seu roteiro, terá acesso a essa paisagem através de dois observatórios posicionados na base do vulcão.

Por fim, vale destacar que em razão das erupções constantes, sempre é possível ver uma fumaça em seu topo, tornando a paisagem ainda mais interessante.

Gostou dessas dicas e quer ler mais conteúdo como esse? Acesse Escola Educação.

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More