Bacia Hidrográfica Atlântico Sul

Localizada na região sul do Brasil, a Bacia Hidrográfica do Atlântico Sul tem forte influencia nas atividades econômicas da região.

0

Talvez anterior as informações sobre a Bacia Hidrográfica do Atlântico Sul, convém explicar o que de fato é uma Bacia Hidrográfica. Sendo assim, partiremos do início.

De forma resumida, uma Bacia Hidrográfica é uma região de captação de água. Ou seja, é a região onde as águas da chuva escoam pela rede de drenagem, que é formada pelos cursos de água como córregos, ribeirões, riachos e os rios, seus afluentes e subafluentes.

Em outras palavras, uma bacia hidrográfica é a área abastecida por um rio e seus afluentes. Desta forma, quando estamos andando pelas ruas ou matas, estamos andando sobe a área de uma bacia hidrográfica, já que as águas que escoam nesses locais tendem a se encaminhar para um rio.

Bacia Hidrográfica do Atlântico Sul

A Bacia Hidrográfica do Atlântico Sul faz parte das 12 regiões hidrográficas do Brasil. A bacia está localizada na região sul do país, nos estados do Rio Grande do Sul (76,4%), Santa Catarina (19,7%) e Paraná (3,1%).

Além disso, uma pequena parte da bacia ainda se encontra em São Paulo. Todavia, no estado do sudeste ela representa apenas 0,8% do total.

De modo geral, a bacia tem forte relevância para as atividades socioeconômicas da região e país. Isso porque a região sul é uma das mais desenvolvidas do Brasil, tendo aproximadamente 450 municípios onde estão distribuídos cerca de 12 milhões de moradores.

Sub-Bacias

A Bacia é uma das maiores do Brasil. Sendo assim, ela ainda é composta por várias sub-bacias, onde se destacas as bacias de:

  • Bacia do Itajaí-Açu;
  • Bacia do Taquari-Antas;
  • Bacia do Guaíba;
  • Bacia do Tijucas;
  • Bacia do Rio Caí;
  • Bacia do Rio Piratini;
  • Bacia do Rio Sinos;
  • Bacia do Gravataí;
  • Bacia do Rio Pardo;

Clima

O clima da Região Atlântico Sul é o temperado chuvoso. Ou seja, sem estações de seca e sem geada. Portanto, os índices de precipitação anuais médios são de 1,573 mm, sendo que a quantidade de chuva diminui do norte para o sul.

Desta forma, os índices na Unidade Hidrográfica do Litoral de Santa Catarina são de 1.749 mm, enquanto da Unidade Hidrográfica do Litoral do Rio Grande do Sul é de 1.381 mm.

Além disso, as temperaturas médias anuais mais altas ocorrem no norte da região, chegando a passar de 22°C no Paraná, e de 18°C no Rio Grande do Sul.

Ainda sobre o clima da Bacia, estão presentes na região os biomas da Mata Atlântica, Mata das Araucárias e o Manguezal.

Problemas

As principais atividades econômicas da região são o turismo, a agricultura e a mineração. Inclusive, estas mesmas atividades vem causando problemas para a preservação da bacia.

Isso devido a contaminação das águas, que impactam tanto flora quanto fauna dos sistemas costeiros. O turismo mesmo sendo importante para a economia local, vem expondo a falta de infra-estrutura sanitária para o alto volume de pessoas.

Este problema vem causando a contaminação de mananciais, assim como da capacidade de funcionamento das praias

Além disso, o agronegócio também tem sua grande parcela de culpa. Já que os efluentes oriundos da avicultura e suinocultura também são fontes de contaminação das águas.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.