Baixe gratuitamente livros do Paulo Coelho – Faça download

Ao se deparar com um site ilegal, criado para disponibilizar suas obras sem custo algum, o autor teve a ideia de compartilhar alguns de seus livros.

0

Você conhece a famosa frase do escritor Paulo Coelho: “viva agora o que outros só terão coragem de viver no futuro?” Esse é apenas um trecho marcante de suas ideias, que certamente desperta uma reflexão nos seus leitores.
Mas não é só isso que faz do escritor brasileiro uma figura diferenciada. Paulo Coelho é um dos autores clássicos mais lidos e respeitados em todo o mundo. Suas obras foram publicadas em mais de 160 países e traduzida em 73 idiomas.

Antes de se dedicar a literatura, atuou como encenador e dramaturgo, jornalista e compositor. Atualmente ocupa uma das cadeiras da Academia Brasileira de Letras, além de ser Embaixador Europeu do Diálogo Intercultural e Mensageiro da Paz das Nações Unidas.

Para os amantes da literatura, ter acesso aos diversos livros produzidos pelo escritor é uma grande honra. O livro Alquimista, por exemplo, é considerado campeão de vendas em todo território brasileiro.
Embora muitas pessoas tenham o hábito de compras seus livros em livrarias físicas e virtuais, outras usam a tecnologia para disseminar a pirataria de suas obras literárias. Essa atitude, obviamente, causou desconforto no autor.

Ao se deparar com um site ilegal, criado para disponibilizar suas obras sem custo algum, o autor teve a ideia de compartilhar pensamentos com pessoas que não podem comprar seus livros.

Sua ideia foi concretizada por meio do projeto Pirate Coelho, que está disponível em seu blog oficial. Nele, constam diversos livros gratuitos para download, disponíveis no formato PDF.

Os livros que já foram lançados na plataforma são: O diário de um mago, O Alquimista, Brida, O dom supremo, As valkírias, Na margem do rio Piedra eu sentei e chorei, Maktub, Veronika decide morrer, O demônio e a Srta. Prym, Histórias para pais, filhos e netos, O Zahir, A Bruxa de Portobello.

Algumas das regras para baixar seus livros gratuitos são: “se baixar um livro e gostar da leitura, por favor, compre. Isso mostrará às editoras que dividir é multiplicar”; “Use a cópia que imprimiu e faça uma doação para a biblioteca da sua cidade, um hospital, ou uma prisão.”

Segundo o autor, essa atitude é uma forma de estimular as vendas e não o contrário. O comportamento de Paulo Coelho em relação à pirataria chama a atenção e serve de exemplo para outros autores que também lidam com a publicação ilegal de seus conteúdos.

Isso indica que o compartilhamento gratuito de expressões artísticas pode ganhar força na internet. Além de incentivar a leitura entre comunidades menos favorecidas, também desperta uma reflexão acerca da ilegalidade existente no meio virtual.

Para conhecer mais sobre o Projeto Pirate Coelho, clique aqui.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.