Veja quais são os 5 aplicativos que mais roubam seus dados

Saiba quais são os principais responsáveis por coletar suas informações.

Você sabia que aplicativos aparentemente inocentes podem estar coletando seus dados nesse exato momento? Isso é perigoso porque não sabemos ao certo o total de informações recolhidas e o que é feito com elas. Então, confira quais são os 5 aplicativos que mais roubam dados e tome cuidado com eles.

Leia mais: YouTube vai intensificar luta contra desinformação e fake news

Mas por que essas empresas roubam os dados dos usuários? Não se sabe ao certo, porém, já é de amplo conhecimento que algumas delas cedem essas informações para empresas de publicidade e propaganda que, desse modo, fornecem anúncios personalizados.

Sem mais delongas, veja abaixo a lista dos aplicativos que mais roubam suas informações.

1. Instagram

O Instagram é uma rede social muito popular, porém envolvida em algumas questões delicadas, principalmente no que se refere à saúde mental dos usuários. Quanto à questão dos dados, cerca de 79% das informações são coletadas, esse aplicativo está no topo da lista dos que mais roubam dados.

2. Facebook

Saiba que 57% dos dados dos usuários do Facebook são coletados. A propósito, a companhia já esteve envolvida em polêmicas por esse motivo. No ano passado houve vazamento de dados de meio bilhão de usuários. A empresa alegou que um hacker foi o responsável pelo vazamento.

3. LinkedIn

O LinkedIn é uma rede social fundada em 2002, no intuito de ser uma rede de negócios. Muitas pessoas utilizam a fim de conseguir emprego. Porém, é necessário ter cuidado com as informações nessa plataforma, pois cerca de 50% dos dados dos usuários são recolhidos pelo aplicativo.

Em meados de 2021 houve um grande vazamento, na época os dados foram postos à venda em um fórum hacker. Em comunicado, o LinkedIn informou que não houve vazamento de nenhum dado sigiloso das pessoas, mas sim informações extraídas dos perfis e de outras fontes.

4. Uber eats

O Uber eats é um aplicativo da empresa Uber que serve para compra de alimentos. Ele coleta até 50% dos dados dos usuários, como nome, endereço e telefone, por exemplo. Assim como o Facebook e o LinkedIn, também já esteve envolvido em polêmicas devido à exposição de informações dos clientes e dos funcionários.

5. Trainline

A Trainline é uma companhia de tecnologia do ramo de viagens ferroviárias, é uma plataforma independente de trens, considerada a maior do mundo. Essa empresa coleta por volta de 43% dos dados dos seus clientes.

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More