Veja quais são os 5 golpes de viagem mais comuns contra turistas

Até as pessoas mais atentas estão sujeitas a esse tipo de coisa, portanto tenha cuidado para não cair em armadilhas!

Viajar é ótimo e proporciona boas memórias, entretanto, eventualmente as lembranças podem não ser tão positivas assim. Você não quer sair da sua casa para relaxar e acabar tendo que passar por situações desagradáveis graças a pessoas golpistas, não é? Então confira agora os 5 golpes de viagem mais comuns contra turistas e se previna!

Leia mais: Kit de remédios para viagem: O que levar na sua necessaire?

Seja numa cidade mais turística ou menos badalada, existe gente com más intenções em qualquer lugar. Por isso, turistas podem ser alvos fáceis para quem gosta de se aproveitar. Os golpes contra pessoas que estão viajando podem ir de coisas mais simples até danos maiores.

Golpes de viagem mais comuns

1. Golpe do táxi

Esse é um clássico. Os táxis são muito utilizados por turistas, por isso muitos taxistas “espertinhos” tentam se aproveitar da situação com taxímetros adulterados, notas de dinheiro falsificadas, trocos errados, além de mudanças na rota para prolongar a viagem e até mesmo roubo de bagagem.

2. Golpe do brinde “grátis”

Inicialmente oferecem um presente “grátis” como uma pulseira, colar ou fitinhas, depois cobram pelo mimo ou exigem que você compre alguma outra coisa.

Esse tipo de abordagem é extremamente comum em pontos turísticos e pode ser bem desagradável. Ademais, uma situação dessa pode deixar você distraído e exposto a possíveis furtos.

3. Golpe do Wi-fi falso

Hoje em dia é muito comum procurar por sinal de internet nos locais onde estamos, pois muitos estabelecimentos disponibilizam Wi-fi de forma gratuita. Porém, tenha muito cuidado ao acessar redes públicas, elas podem ser iscas para o roubo de dados e informações.

4. Golpe dos ingressos falsificados

Esse tipo de golpe geralmente é aplicado em filas de shows e eventos. O golpista se aproveita das longas filas aliadas à falta de paciência de alguns turistas para vender ingressos falsificados.

Tente comprar os ingressos com antecedência para não esperar muito em filas. Atualmente a maioria das empresas disponibiliza a venda online; assim, além de economizar tempo, você evita cair enrascadas.

5. Golpe do policial que não é policial

A polícia impõe respeito e serve para fazer a segurança, por esse motivo, muita gente se disfarça usando fardas de policiais para abordar turistas e, dessa forma, roubar seu dinheiro. Tenha muito cuidado se um “policial” te abordar na rua, alegar que você está portando notas falsas e por isso irá confiscá-las!

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More