Etapas importantes para construir um plano de negócio

O plano tem a função de pôr as ideias e objetivos em ordem para direcionar as ações no caminho certo.

Quando você abre uma empresa, é necessário que cada ato que você irá realizar seja planejado. Assim, é preciso detalhar quais serão os objetivos e os métodos utilizados para alcançar o sucesso do seu empreendimento. Por isso, é preciso que você monte um plano de negócios.

Leia também: Tenha seu próprio negócio: qual franquia oferece retorno mais rápido?

O plano tem a função de pôr as ideias e objetivos em ordem para direcionar as ações no caminho certo. “É o conjunto de informações que o empresário deve arrecadar e que vai mostrar todas as particularidades relativas ao negócio, são informações relevantes para o bom andamento da empresa”, explica o coach do Instituto JBDuarte, João Batista Duarte.

Conheça o seu ramo de atuação

Para estruturar esse plano, é necessário compreender bem o ramo em que você irá atuar. “Não é o caso, no primeiro momento, em ser um expert, mas é o caso de pesquisar e conhecer o mercado, suas tendências, casos de sucesso e insucesso, propensos clientes, fornecedores, concorrentes, perfil de cada um deles e alterações ocorridas no mercado nos últimos anos. Com essas informações básicas, você estará pronto para elaborar o plano”, esclarece Jorge Bahia, do Grupo Bahia & Associados.

Montando o plano de negócios

O plano é tratado com um guia, tipo uma espécie de sumário ou índice. “Dados como referências dos empreendedores com suas experiências acadêmicas e profissionais, dados do empreendimento (indústria, comércio, serviços, foco em algum mercado específico), missão da empresa, tipo de formatação jurídica, enquadramento tributário, capital social, fontes de recursos, principais clientes e fornecedores, localização e perfil dos colaboradores são fundamentais na composição do plano”, lembra Bahia.

Segundo Luiz Eduardo Rego, que é o presidente do Grupo Nyoa, o plano de negócios deverá seguir algumas etapas:

1. Descrição da empresa

Logo na primeira etapa, é necessário que seja feita uma limitação do negócio e de sua origem.

2. Planejamento estratégico

Nessa parte são postas quais serão as ações para que a empresa alcance os seus objetivos.

3. Produtos e serviços

Momento de elencar os itens que serão comercializados ou os serviços prestados.

4. Análise de mercado

É a delimitação do cenário presente e a projeção do cenário futuro, se há e quais são seus concorrentes, a fixação de fornecedores, qual será o público-alvo etc.

5. Plano de marketing

Depois de adotados os 4Ps, que são produto, preço, praça e promoção, será criado um método para espalhar o nome da empresa.

6. Plano operacional

Nessa parte, devem ser elencadas todas as funções da empresa e quais serão os setores responsáveis por cada tarefa.

7. Plano financeiro

Deve mostrar como a empresa conseguirá lucrar.

8. Plano de investimentos

É uma lista de decisões financeiras que irão dar origem para que a empresa atinja uma solidez. É uma ferramenta utilizada durante toda a vida do empreendimento para que os negócios cresçam e deem confiança para seus clientes.

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More