FMI – Fundo Monetário Internacional

O FMI é uma organização internacional que tem como função emprestar dinheiro aos países com crise financeira.

FMI é a sigla para Fundo Monetário Internacional, uma organização das Nações Unidas, fundada em julho de 1944 durante a Conferência de Bretton Woods, Estados Unidos.

O FMI atua na garantia da estabilidade financeira, evitando crises econômicas e visando a melhora da economia dos países.

Os objetivos do Fundo, são:

  • Viabilizar o comércio internacional;
  • Motivar a empregabilidade;
  • Promover o crescimento econômico sustentável;
  • Reduzir a pobreza no mundo.

Atuação do FMI

O Fundo Monetário Internacional é utilizado para emprestar dinheiro para algum país que esteja passando por crise econômica.

O dinheiro do FMI é adquirido por meio do pagamento de cotas das nações que o integram. Cada uma dá a quantidade que lhe é permitida.

Por meio da cota é determinada a quantidade de dinheiro que o país pode pegar emprestado. Cada país tem acesso a 25% da sua cota. Caso ele queira um montante maior, é necessário negociar.

Com isso, aqueles que mais contribuem têm o direito de adquirir os maiores empréstimos, além de possuírem um maior poder de voto.

Após a Guerra Fria, o FMI adotou posicionamentos neoliberais. Os empréstimos mais expressivos ocorriam por meio de condições rígidas, como:

  • Elevação de impostos
  • Privatizações de estatais
  • Diminuição dos funcionários públicos

Por adotar tal posicionamento, o FMI é objeto de protestos nos países que solicitam seus recursos financeiros.

Além disso, ele fornece dados sobre a situação econômica das nações, o que permite que os empresários invistam ou não em um determinado país.

Estrutura

Atualmente, o FMI conta com 189 países-membros. Sua estrutura é assim dividida:

  • Assembleia de Governadores (órgão máximo)
  • Comitê Interino
  • Comitê de Desenvolvimento
  • Diretoria executiva
  • Presidente do FMI: Algum cidadão estadunidense (selecionado pelo governo dos Estados Unidos)
  • Diretor-presidente do FMI: Algum Cidadão europeu

Brasil

O Brasil foi um dos países que participaram da formação do Fundo Monetário Internacional. Durante a Ditadura Militar, o FMI foi bastante generoso, fornecendo milhões de dólares de empréstimos e créditos que haviam sido negados em governos anteriores.

É importante salientar que ele apoiou diversas ditaduras na América Latina.

Curiosidades sobre o FMI

Alguns dos países que não integram o Fundo Monetário Internacional são: Mônaco, Cuba, Coreia do Norte e Andorra.

Se a crise econômica de algum país aumentar devido a empréstimos feitos por meio do FMI, o Fundo não se responsabiliza.

Saiba mais em:

você pode gostar também

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More