Google lança plataforma que simula entrevista de emprego

Google lançou a plataforma chamada Interviews Warmup, que é uma ferramenta gratuita e online que simula uma entrevista de emprego.

A preparação para uma entrevista de emprego é um momento de ampla ansiedade para muitas pessoas. Muitos ficam inseguros e imaginam as perguntas que os entrevistadores irão fazer, seja para nível médio, técnico ou superior.

Pensando nisso, o Google lançou uma plataforma, chamada Interviews Warmup, que é uma ferramenta gratuita e online que simula uma entrevista de emprego e ao final aponta as questões em que o usuário precisa melhorar.

Durante a simulação é possível que o usuário grave e transcreva suas respostas em tempo real para encontrar as melhores formas de se planejar, melhorar e aumentar suas chances de ser contratado.

As respostas poderão ser dadas através da escrita ou por voz, e, embora a plataforma não salve os áudios, nem as transcrições durante a simulação da entrevista, é possível que o candidato salve uma cópia do áudio ou baixe suas respostas após finalizar sua sessão.

A plataforma permite que o indivíduo vivencie situações específicas voltadas para uma entrevista de emprego real, dando respostas às perguntas que os empregadores mais fazem em suas seleções. Durante a simulação, as perguntas são sobre seus conhecimentos técnicos, sua trajetória profissional e sobre a rotina do candidato.

Entretanto, a plataforma do Interviews Warmup, por enquanto, estará apenas disponível em inglês, visto que foi desenvolvida para auxiliar os profissionais norte-americanos.

Desemprego no Brasil

O Brasil conta hoje com 12 milhões de pessoas desempregadas, ou seja 11,2% da população se encontra sem fonte de renda, segundo os dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgados em março de 2022. Segundo o levantamento, o número de empregados com carteira de trabalho assinada no setor privado subiu 1,1% se comparado com o trimestre anterior.

No ano passado, 30% dos desempregados estavam procurando trabalho por mais de dois anos. Nesse contexto, os trabalhos de nível de qualificação respondem por 74% do emprego no setor individual, quando se observa a tendência de crescimento das ocupações de nível técnico e superior.

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More