Nebulosas – o que são, como são formadas, tipos, mais conhecidas

Nuvens formadas por poeira cósmica e diferentes gases, as nebulosas atuam na formação de novas estrelas e podem até ser vistas a olho nu

0

O que são nebulosas?

Uma nebulosa é uma gigante nuvem de poeira cósmica e gás (principalmente hélio e hidrogênio) no espaço. Seu nome vem do latim nebula, que significa nuvem.

São vastas em tamanho e podem medir até centenas de anos-luz de diâmetro. Geralmente são pouco densas e tem a densidade próxima a de uma fumaça de cigarro.

Como são formadas as nebulosas?

Algumas nebulosas são formadas pelo gás e poeira decorrentes da explosão da morte de uma estrela, como a supernova.

Outras nebulosas são regiões onde novas estrelas são formadas, o que faz com que alguams delas sejam chamadas de “berçário das estrelas”. Elas começam a se formar por meio de uma atração gravitacional, que faz com que a matéria comece a se agregar em nuvens.

Como as estrelas são formadas nas nebulosas?

A poeira e os gases da nebulosa são bastante espalhados, mas a gravidade pode começar a, lentamente, formar amontoados de poeira e gás.

Cada vez mais, esses amontoados ficam maiores e a gravidade fica mais forte. Eventualmente, este amontoado se torna tão grande que se colapsa de sua própria gravidade.

O colapso faz com que o material do centro da nebulosa esquente e em seu núcleo, começa a formação de uma estrela.

Quais são os tipos de nebulosas?

1. Nebulosas difusas

São nebulosas que não tem limites bem definidos e onde estrelas são formadas: Podem ser subdivididas em:

  • Nebulosas de emissão

É um tipo de nebulosa difusa, ou seja, não tem limites bem definidos.. São nuvens de poeira e gás com alta temperatura. Os átomos da poeira são energizados por luz ultravioleta emitida por uma estrela próxima e quando decaem para estados de energia mais baixos, a nuvem libera luz visível. Geralmente são vermelhas, por conta do hidrogênio, que emite luz vermelha.

  • Nebulosas de reflexão

São nebulosas que refletem a luz da estrela mais próxima, chamada de refletora. Geralmente possuem tons azuis, já que a luz é espalhada mais facilmente.

  • Nebulosas escuras

São nuvens de poeira e gás frio. Impedem a passagem de luz de objetos próximos, assim como não emitem luz visível.  Geralmente estão associadas a regiões de formações de estrelas.

2. Nebulosas planetárias

São a fase final da vida de uma estrela de baixa massa. Por isso, emitem energia a partir da explosão de uma estrela central.

Onde elas estão?

As nebulosas existem no espaço entre as estrelas, chamado de meio interestelar.

Nebulosas mais conhecidas

1. Nebulosa de Órion
(Foto: NASA)

A 1.500 anos-luz de distância da Terra, a Nebulosa de Órion é uma das mais belas da terra. É classificada como uma nebulosa difusa.

2. Nebulosa da Águia
(Foto: NASA)

Conhecida pelo seu formato diferenciado, que lembra uma águia, nesta nebulosa ocorre uma intensa formação de estrelas. É nela que está a Pilares da Criação, formação onde nascem as estrelas. É classificada como nebulosa de emissão.

3. Nebulosa de Borboleta
(Foto: NASA)

Outra nebulosa que chama atenção pela seu formato, a Nebulosa de Borboleta está a 4000 anos-luz da Terra. Sua estrutura complexa é resultado da morte de uma estrela, que há milhares de anos atrás, era cinco vezes maior que o sol É uma nebulosa plaetária.

4. Nebulosa de Hélix
(Foto: NASA)

A nebulosa mais próxima da Terra é a Helix, resto de uma estrela morta que, provavelmente, era parecida com o sol. Está a 700 anos-luz longe da Terra e é conhecida popularmente como ‘Olho de Deus’. É uma nebulosa planetária.

5. Nebulosa Cabeça de cavalo
(Foto: NASA)

É uma nebulosa escura localizada na constelação de Órion. Está a 1500 anos-luz da Terra.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.