Novo estudo sugere identificação de 4 novas civilizações alienígenas

Entenda tudo sobre essas novas vidas identificadas.

A Via Láctea é lar para milhares de planetas, inclusive o planeta Terra. Pelas fotos encontradas, pode-se ter uma ideia da sua imensidão. Porém, nem mesmo dessa forma é possível vislumbrar os segredos e novidades que esse local guarda.

Estudo recente, contido na pesquisa acadêmica de Alberto Caballero, intitulado “Estimating the prevalence of malicious extraterrestrial civilizations“, sugere que, aproximadamente quatro civilizações alienígenas malignas invadiram a terra se pudessem. Para saber mais sobre os alienígenas que a Via Láctea pode esconder, confira o artigo na íntegra!

Leia mais: Maior Megamaster tem 5 bilhões de anos-luz da Terra e foi descoberto no SARAO

O que o estudo de Alberto Caballero sugere

Segundo o artigo mencionado, há uma questão peculiar colocada em pauta: quais são as chances da civilização do planeta Terra entrar em contato com alguma civilização alienígena que seja hostil a ponto de invadir o nosso planeta?

Para poder responder ao seu próprio questionamento, Alberto (estudante de doutorado na Universidade de Vigo, Espanha) optou por direcionar seu olhar inicialmente à própria história humana. Por conta disso, iniciou seu estudo através de uma revisão de fatos, contando o número de países que invadiram outros entre 1951 a 2022.

A partir desse fato, ponderou a probabilidade de cada país lançar uma invasão com base na parcela desse país nas despesas militares globais. Nas duas situações analisadas foi possível identificar uma participação majoritária dos Estados Unidos.

Com esses resultados, Caballero pode chegar a um número: as chances atuais dos humanos invadirem outro planeta são de 0,028%. Porém, e o contrário?

E se Terra for invadida por outras civilizações hostis?

Caballero conseguiu chegar a um número de aproximação em relação aos vizinhos maliciosos que possamos encontrar na Via Láctea: 4,42. Ou seja, 4 possíveis poderes alienígenas hostis. Porém, aparentemente, a probabilidade de invasão por eles é remota.

Na verdade, segundo o próprio autor, a chance de o planeta Terra ser atingido por uma colisão de asteroides é bem maior, como o que condenou os dinossauros, uma vez que são eventos que ocorrem de 1 em 100 milhões de anos.

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More