Saiba quais são as profissões consideradas insalubres para o INSS

Entenda melhor esse conceito e se mantenha sempre atualizado.

O Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) é responsável por tudo o que se relaciona com a Previdência Social no país. É esse órgão que relaciona normas e confere contribuições para o Ministério da Economia, e também que define o que é uma profissão insalubre.

Esta inclusive é uma dúvida de muitas pessoas, e pensando em ajudar com este assunto, separamos este artigo. Nele, será possível saber o que é uma profissão insalubre para o INSS e certamente muitas pessoas entenderão melhor o conceito. Por isso, se você se enquadra entre aqueles que desejam saber quais são as condições de uma profissão insalubre, continue a leitura.

Leia mais: Aprenda a economizar gás de cozinha com essas dicas!

Entenda o que é uma profissão insalubre para o INSS

Entender o que é uma profissão insalubre para o INSS garante que algumas pessoas consigam solicitar uma aposentadoria especial. Esta se refere ao valor que deve ser pago às pessoas que trabalharam em situações, ambientes e empresas que operam com rotinas perigosas.

Os perigos podem ser tanto físicos, no sentido de provocar danos ao corpo do funcionário, quanto aqueles que prejudicam o organismo do profissional, principalmente a longo prazo. A seguir, é possível conhecer ambas as condições de maneira mais detalhada. Entretanto, seja qual for a maneira, essas profissões permitem que o colaborador possa se aposentar mais cedo.

Profissões de contato com produtos químicos, físicos e biológicos

Existe uma série de empregos que requerem cuidado redobrado dos profissionais. Isso porque, mesmo com equipamentos de proteção individual (obrigatórios para esses casos), o trabalho é considerado prejudicial.

Um exemplo dessas profissões que envolvem produtos químicos, físicos e biológicos é o extrator de fósforo. Além disso, pessoas que lidam com congelamento e superaquecimento também se enquadram nessa condição.

Profissões que têm riscos reais ao corpo do profissional

Além dos profissionais e condições citadas acima, existem trabalhos que podem fazer com que uma pessoa perca uma parte do corpo, se corte, se queime, entre outros. Neste caso, essas profissões também são consideradas insalubres para o INSS.

Exemplos de profissões que apresentam riscos reais ao trabalhador são as que envolvem eletricidade, explosivos, máquinas de corte etc.

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More