Países com a maior população idosa do mundo

Conhecido por seu crescente número de idosos, o Japão tem o maior número de cidadãos idosos do mundo.

0

O mundo está envelhecendo rapidamente, no entanto, existem alguns países, como o Japão e a Itália, que se destacam entre os demais, devido às imensas proporções de seus cidadãos com mais de 65 anos de idade.

Segundo a Organização Mundial da Saúde, espera-se que quase dois bilhões de pessoas em todo o mundo tenham mais de 60 anos até 2050, um número que é mais que o triplo do que era em 2000.

Por causa de tais aumentos em suas populações mais velhas, as maiores economias começaram a enfrentar aumentos subsequentes em seus custos de saúde, custos de pensão mais elevados e uma proporção decrescente de seus respectivos cidadãos ativos na força de trabalho.

Um fator importante que contribui para essa tendência é que tem diminuído as taxas de fertilidade nesses países nas últimas décadas e aumentado a longevidade.

Para se adaptar às populações cada vez mais envelhecidas, muitos países aumentaram a idade de aposentadoria, reduziram benefícios de aposentadoria e começaram a gastar mais em cuidados com idosos.

Com um número menor de indivíduos nascendo e pessoas vivendo muito mais, indivíduos com mais de 65 anos agora compõem uma parcela crescente da população total do mundo.

Nações envelhecidas

O Japão abriga os cidadãos mais velhos do mundo, com 26,3% da população com 65 anos de idade ou mais. No ano de 2014, o percentual foi de cerca de 25,8%, o que mostra que o número vem aumentando a cada ano. Prevê-se que quase um terço do povo japonês (32,2%) será idoso até 2030.

Em seguida é a Itália, com 22,4% da sua população com 65 anos de idade ou mais. O mais interessante é que, de acordo com esses números, é que a população entre 0 e 14 anos não apresenta crescimento desde 1999, e permaneceu em apenas 14% até recentemente.

A Itália é conhecida por ter o maior gasto público relativo a pensões na União Europeia. As pensões consomem mais de 16% do PIB da Itália, em comparação com 11% para o resto da União Europeia.

A Grécia é a próxima nesta lista, com 21,4% de sua população com mais de 65 anos de idade. O país é conhecido por ter o sistema de pensão mais fraco do mundo, que foi prejudicado pela baixa idade de aposentadoria, intensa dívida soberana e alta proporção de aposentados.

Os pagamentos de pensão são um grande ônus para a economia, considerando que quase um quarto dos 11 milhões de habitantes da Grécia está aposentados e a situação econômica do país nos últimos anos tem sido errática, na melhor das hipóteses.

Países com a maior população idosa do mundo

  1. Japão – 26,3% da população com mais de 65 anos
  2. Itália – 22,4% da população com mais de 65 anos
  3. Grécia – 21,4% da população com mais de 65 anos
  4. Alemanha – 21,2% da população com mais de 65 anos
  5. Portugal – 20,8% da população com mais de 65 anos
  6. Finlândia – 20,5% da população com mais de 65 anos
  7. Bulgária – 20,0% da população com mais de 65 anos
  8. Suécia – 19,9% da população com mais de 65 anos
  9. Letônia – 19,4% da população com mais de 65 anos
  10. Malta – 19,2% da população com mais de 65 anos
  11. França – 19,1% da população com mais de 65 anos
  12. Dinamarca – 19,0% da população com mais de 65 anos
  13. Croácia – 18,9% da população com mais de 65 anos
  14. Estônia – 18,8% da população com mais de 65 anos
  15. Lituânia – 18,8% da população com mais de 65 anos
  16. Espanha – 18,8% da população com mais de 65 anos
  17. Áustria – 18,8% da população com mais de 65 anos
  18. Bélgica – 18,2% da população com mais de 65 anos
  19. Países Baixos – 18,2% da população com mais de 65 anos
  20. República Checa – 18,1% da população com mais de 65 anos

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.