11 Plantas da Mata Atlântica – Típicas, Medicinais e Nativas

A Mata Atlântica dispõe de uma enorme biodiversidade, a qual conta com inúmeros tipos de plantas, sendo elas típicas, medicinais e ou nativas.

0

O Brasil é um país bastante diversificado no que concerne a meio ambiente e vegetação. O país conta com diversos tipos de vegetação e, sem dúvidas, uma que merece destaque é a Mata Atlântica. Com uma parte significativa do litoral brasileiro, a mata conta com uma intensa biodiversidade, sendo uma das florestas tropicais mais importantes do planeta.

Há várias espécies de plantas no local. Algumas delas, inclusive, são medicinais, transformando o bioma em uma fonte de recursos para a população local.

Para se ter um parâmetro, 80% da população de países em desenvolvimento dependem da medicina tradicional e 85% da medicina tradicional utiliza extratos de plantas. Felizmente, tal atividade apresenta grande potencial para uso racional, além de gerar menor impacto ambiental.

Além disso, há uma grande variedade de plantas já que mais de 25 mil espécies comportam toda a fauna local, a maior diversidade em todo o mundo.

Veja a seguir plantas típicas, medicinais e nativas da Mata Atlântica.

1 Arnica

Arnica

Sendo popularmente conhecida, a Arnica é uma planta medicinal muito utilizada para tratar contusões, dores reumáticas, escoriações e dores musculares. Isso se dá devido ao seu potencial anti-inflamatório, comprovadamente efetivo, para além do seu uso consagrado como cicatrizante e no combate às hemorragias.

2 Guaimbé

Guaimbé

Sendo uma das folhas mais peculiares da Mata Atlântica, a Guaimbé vive como planta epífita, ou seja, em cima das árvores, com pouca manutenção e água.

3 Clusia (Clusia fluminensis)

Clusia (Clusia fluminensis)

Arbusto típico da restinga de areia nas praias da Mata Atlântica, a Clusia é uma planta que possui belas flores brancas, atraindo diversos polinizadores. É comumente usado como planta ornamental.

4 Cássia

Cássia

Sendo uma das plantas de maior destaque e com uma beleza esplendorosa, a Cássia é uma árvore ornamental com flores espetaculares com um tom de amarelo bastante vivo e que formam cachos. Seu verde intenso da folhagem forma um contraste com as suas flores amarelas.

5 Pau-Brasil

Pau-Brasil

Uma das mais conhecidas da história do Brasil devido ter sido a principal e mais lucrativa descoberta dos portugueses nas nossas terras. Atualmente, a árvore encontra-se quase extinta, havendo bem poucos espécimes de Pau-Brasil. A planta possui o tronco em tonalidades de cinza ou vermelho e centro avermelhado.

6 Manacá-da-Serra

Manacá-da-Serra

Também na lista de plantas charmosas da Mata Atlântica, o Manacá-da-Serra é uma das primeiras árvores da Mata Atlântica. Pode chegar a 12 metros de altura e o tronco cerca de 30 cm de diâmetro. É conhecido também conhecido como flor-de-quarema predominante em matas secundárias.

7 Cedro

Cedro

Apesar de estar presente em todo o território nacional, a Cedro se concentra em maior quantidade na região do Rio Grande do Sul a Minas Gerais na floresta semi-decídua Atlântica. Esse tipo de árvore é encontrado nas florestas do tipo abertas ou então em campos que possuem clima úmido e quente e necessita de um solo  que tenha boa drenagem.

8 Erva de Santa Maria

Erva de Santa Maria

Conhecida como mentruz ou mastruço, a erva de Santa Maria é uma erva muito usada na medicina popular brasileira. Ela possui várias funções medicinais como: Laxativa, cicatrizante, vermífuga, boa em casos de gases, úlcera, câimbras, má circulação, hemorroidas, hemorragia interna, diurética, digestiva, estimulante respiratória, emenagogo (facilita ou aumenta o fluxo menstrual), sedativa, sudorífica, tônica, antiviral, antisséptica, aromática.

Outros benefícios da Erva de Santa Maria:

  • Ótima no tratamento de fungos na pele;
  • Expulsa gases intestinais;
  • Ajuda no tratamento da tuberculose;
  • Melhoria da Asma;
  • Úlceras no estômago;
  • Acelerador da Cicatrização;
  • Ajuda no combate a laringite;
  • Combate parasitas.

9 Paratudo

Paratudo

Na forma de decoto das folhas e/ou raiz, a planta Paratudo pode atuar na cura da reto-colite crônica, e nas colites em geral.

10 Sibipiruna

Sibipiruna

A Sibipiruna chama atenção pelo seu tamanho e por possuir muitas folhas e  flores. Trata-se de uma espécie que pode ser encontrada com mais facilidade ao longo do litoral da Bahia ao litoral do Rio de Janeiro. No inverno ocorre uma queda quase total das folhas, que voltam a brotar na primavera.

11 Embaúba

Embaúba


Essa árvore é bastante peculiar devido ao formato das folhas,  flores pequenas que lembram espigas, além de um tom de verde claro na parte de cima e de verde prateado nas partes inferiores. Os frutos da Embaúba se desenvolvem dentro dessas falsas espigas, o qual serve de alimento para as espécies que vivem na Mata.

Veja também:

Curso de Paisagismo e Plantas Ornamentais – Aulas Gratuitas e Online!
13 Plantas Medicinais e suas principais utilidades
Órgãos vegetativos em plantas: Raízes

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.