Porque o uso do termo pré-história é questionado?

Os estudiosos definem a pré-história como eventos que ocorreram antes da existência de registros escritos em uma determinada cultura ou sociedade.

0

Os estudiosos definem a pré-história como eventos que ocorreram antes da existência de registros escritos em uma determinada cultura ou sociedade.

A história refere-se ao período de tempo após a invenção de registros escritos em uma determinada cultura ou sociedade. Arqueólogos descobriram registros escritos no Egito a partir de 3.200 aC, que é a data aceita em que a história “começa” por lá.

Os historiadores atualmente pensam que os humanos anatomicamente modernos surgiram entre 200.000 e 300.000 anos atrás. Pense no escopo do que deve ter acontecido durante esse tempo: aventuras, tristezas, mudanças ambientais e a ascensão e queda das civilizações.

Ao analisar resquícios arqueológicos, cientistas podem construir narrativas surpreendentemente ricas de um passado distante. Entretanto, todas as evidências históricas precisam ser lidas de perto, originadas, interpretadas, contextualizadas e comparadas com outras fontes disponíveis.

Ainda hoje, podemos apenas juntar um pequeno fragmento de tudo o que ocorreu. E muito desse entendimento poderia muito bem estar errado porque é inevitavelmente parcial e incompleto. Muitas coisas que os historiadores consideram hoje, serão questionadas por futuros historiadores armados com novas ferramentas e novas evidências.

Nós só sabemos o que aconteceu na pré-história usando arqueologia, padrões climáticos, geologia e algumas evidências da mudança da linguagem oral com base em taxas bastante constantes de mudanças de linguagem.

Pré-história questionada

A divisão entre pré-história e história é alvo de controvérsias. Anteriormente, a distinção era baseada em um período de fontes escritas e não escritas ou não decifradas.

Depois que as escavações iraquianas e a história escrita se estenderam até o quarto milênio aC e a era não-escrita começou a ser revelada, a divisão da linha do tempo tornou-se obsoleta para muitos historiadores.

Também aprendemos que a história remonta a muito mais do que pensávamos. Principalmente quando se desvincula os eventos do surgimento das grandes civilizações humanas.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.