Riscos de não prestar atenção nos preços e serviços dos postos de combustíveis

Muita atenção nos preços e serviços dos postos de combustíveis, pois você pode estar sendo vítima de golpe.

Foi realizada uma denúncia no último domingo (19), através do programa “Fantástico” da TV Globo, mostrando postos de gasolina onde alguns serviços eram desnecessariamente oferecidos para os clientes. Na reportagem, foi feita uma investigação em estabelecimentos no Rio Grande do Sul, apontando ainda irregularidades no momento da venda dos produtos muito acima do preço de mercado.

Leia também: Venda direta de etanol para postos de combustíveis foi liberada

Um esquema que envolvia até simular fumaça saindo do veículo ocorria na rede de postos do empresário Fabrício Correa Barros. Nos áudios que foram divulgados, o proprietário dos estabelecimentos aparece persuadindo os funcionários para enganarem os clientes, e caso não o fizessem, eram ameaçados de demissão.

Um ex-frentista da rede informou que um dos golpes era simular uma fumaça que saía do carro para enganar o cliente, fazendo com que ele realizasse certos serviços sem necessidade. Para isso, eles utilizavam uma seringa com óleo para pôr em contato com o motor quente, de forma que o óleo evaporava e fazia a fumaça. Assim, o cliente acreditava que o veículo poderia estar com problemas.

Aos que caíram no golpe, era cobrado um preço bastante alto. Uma das pessoas que foi vítima do posto, seu José, foi apenas para abastecer o veículo e saiu com uma conta de R$ 1,3 mil. Segundo ele, foi obrigado a realizar a troca do óleo e os produtos estavam com os preços absurdamente altos. Para se ter ideia, o valor cobrado sobre o litro do óleo foi de R$ 149,00, sendo que normalmente é de R$ 44,00. Visto isso, a família do idoso realizou uma denúncia sobre o caso.

Desde 2018 essas queixas vinham sendo feitas, mas Fabricio sempre dava um jeito de contornar a situação e aperfeiçoar os golpes. Em outros estados do Brasil também foram registrados casos parecidos, como em São Paulo, que só em 2022 já registrou mais de 14 denúncias desse tipo.

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More