Sisu 2018/2 disponibiliza consulta de 57.271 vagas de nível superior

Visualização das vagas disponíveis em 68 instituições de ensino superior foi liberada pelo MEC nesta quarta-feira (06) e pode ser feita pelo site do Sisu.

0

O Sistema de Seleção Unificada (SISU) já permite a visualização das 57.271 vagas disponíveis para sua segunda edição. A consulta foi liberada pelo MEC na noite de quarta-feira (06) e pode ser feita pelo site do sistema.

As vagas foram distribuídas entre 68 instituições de ensino superior e podem ser filtradas por município, curso ou universidade. Para se candidatar a uma delas, é necessário ter feito o Enem 2017 sem zerar a redação. Os resultados de outras edições não serão permitidos.

Como são feitas as inscrições?

Os interessados têm entre os dias 12 e 15 de junho (até às 23h59) para realizar sua inscrição. Isso deve ser feito pelo site do Sisu.

Ao acessá-lo, precisa informar a inscrição e senha cadastrada na edição do Enem 2017. É permitida a escolha de até duas opções de vagas disponibilizadas no sistema, desde que feita em ordem de preferência.

No prazo destinado ao período de inscrições, o sistema vai calcular a nota de corte de cada curso. Esse cálculo é feito uma vez por dia baseado nas notas dos candidatos inscritos, além do número de vagas disponibilizado por aquela graduação.

É bom lembrar que cada instituição adota pesos diferenciados para as disciplinas do Enem. Mas, o candidato pode ficar tranquilo porque essa informação é dada no ato da inscrição. Até porque o próprio sistema calculará o peso de cada prova, resultando em uma nova nota.

Com isso, um mesmo candidato pode ter notas diferentes nos cursos para os quais se inscrever. Outro ponto que precisa ser lembrado é que as instituições podem exigir nota mínima para algumas graduações.

Dessa forma, quando tentar se inscrever para um curso e sua nota for insuficiente, o aluno será avisado. Assim, poderá tentar outra opção.

Resultados

Como mencionado, o período de inscrições nas vagas disponibilizadas vai de 12 a 15 de junho. A previsão é de que os resultados sejam disponibilizados no dia 18 do mesmo mês, já com a chamada regular dos aprovados.

O próximo passo é efetivar a matrícula. Esta deverá ser feita entre 22 e 28 de junho. Os horários e locais de atendimento devem ser verificados junto a cada instituição.
O candidato que não conseguir nota suficiente para ser chamado nessa primeira turma deve entrar na lista de espera. A manifestação de interesse terá prazo de 22 a 27 de junho com convocações realizadas entre 03 de julho e 21 de agosto.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.