Você sabe o que é um unicórnio?

Veja qual a história, definição e o que simboliza este animal místico.

0

O que é um unicórnio? Também conhecido por licórnio ou licorne, o unicórnio é uma criatura mitológica, cujo nome vem do latim e significa literalmente “um único chifre“.

Como o nome já diz, sua característica mais marcante é o chifre em espiral no centro da cabeça. Além do chifre, ele é comumente representado como um cavalo branco, com cor intensa e rabo de leão.

Este ser é considerado um símbolo de pureza, castidade e força, aparecendo nas narrativas mitológicas como um animal dócil, e sempre perto das donzelas virgens, para representar a pureza dessas meninas.

Além de aparecer nas lendas e mitos, os unicórnios também aparecem na bíblia cristã. Apesar de que em relação a esse assunto, crê-se que o animal aparece por conta de uma má tradução do hebraico para outras línguas.

História

Acredita-se que os unicórnios podem, de fato, ter existido. No entanto, não com a aparência citada nas descrições mitológicas. Consta-se que há aproximadamente 200 mil anos, existia um animal chamado Elasmotherium sibiricum, também conhecido como unicórnio siberiano ou Elasmotério.

Elasmoterio
Elasmotherium sibiricum, também conhecido como unicórnio siberiano ou Elasmotério

Esse animal era parente do rinoceronte e caracterizado por ter um enorme chifre na cabeça. Apesar de ter sido extinto há milhares de anos, acredita-se que tenham sobrevivido algumas espécies que chegaram a conviver com os humanos.

A partir desse contato, mitos e lendas foram criados.

Além do Elasmotério, foram encontrado fósseis de chifres compridos e entrelaçados, que também são narrados como de unicórnio. Contudo, trata-se da presa de narvais, uma espécie de baleia do mar ártico, que ficaram conhecidas como unicórnios marinhos.

Ao longo dos anos, os mitos e lendas acerca dessa criatura foram se multiplicando. Dessa maneira, o unicórnio passou até ser a cultuado e reverenciado em alguns locais, como a Índia e China.

Além disso, esse animal místico passou a fazer parte da imaginação das pessoas, a ser associado a culturas,  boa sorte e a religiões milenares.

Segundo a mitologia, os unicórnios possuem poderes mágicos e milagrosos. Sendo o chifre a parte mais importante do corpo e o seu sangue a fonte principal desses milagres. Ambos, teriam poder de rejuvenescer, prolongar a vida e até mesmo salvar alguém da morte.

Ainda de acordo com os mitos e lendas, a alimentação dessas criaturas seriam nuvens e raios de sol, especialmente os emitidos no nascer e pôr-do-sol, pois eram considerados as poucas coisas puras e verdadeiras do mundo.

Unicórnio na bíblia cristã

Apesar do unicórnio estar presente em várias passagens da bíblia cristã, não significa que elas se refiram ao ser mitológico. Isso porque o termo hebraico Re’ém foi trocado pela palavra Monokeros (Bíblia Septuaginta grega), que pode ser traduzido literalmente como “um só chifre” ou “unicórnio”.

Portanto, a aparição desses seres na bíblia pode ter acontecido por conta de uma má tradução do hebraico para outros idiomas.

Algumas bíblias já usam outras traduções para Re’ém, como é o caso da Vulgata que o traduziu para rinoceronte. Já a bíblia contemporânea traduziu para “boi selvagem” ou “búfalo”. A bíblia luterana, por sua vez, substituiu Re’ém por Einhörner , que significa “um chifre”.

Os versículos da bíblia cristã que se referem ao unicórnio são:

  • Salmos 22:21 / 29:6 / 92:10;
  • Jó 39:9-10;
  • Números 23:22;
  • Isaías 34:7;
  • Deuteronômio 33:17.

Unicórnio na mitologia grega

Para Aristóteles, famoso filósofo grego, o unicórnio era bem diferente da imagem tradicional. Para ele, os unicórnios eram uma espécie de antílope (mesma família das zebras e gazelas), com um autentico chifre no meio da cabeça.

Para os gregos, os unicórnios eram criaturas dóceis e puras e apenas as mulheres virgens podiam se aproximar desses animais. Apesar de acreditarem na existência dos unicórnios, essas criaturas não fazem parte da mitologia grega original.

Unicórnio nos dias de hoje

Unicórnio

Assim como outras lendas, mitos e seres mitológicos, o unicórnio tem o seu espaço até os dias de hoje. Foram criados desenhos, filmes e jogos que possuem essa criatura como personagem principal.

Além disso, é possível encontrá-los também em estampas de roupas, tatuagens e livros. Um dos motivos para esses seres terem tanta popularidade entre todos os tipos de público é porque eles transmitem a sensação de felicidade, paz e calma.

Além disso, os produtos que possuem unicórnios como personagem, normalmente são extremamente coloridos, o que chama a atenção não só de crianças como também de adultos.

 

Veja também: Filmes para entender a Mitologia Grega

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.