4 dicas essenciais para liberar mais espaço no Google Drive

Usuários do serviço se viram de mãos atadas após a empresa americana anunciar redução no espaço de armazenamento do serviço.

O Google Drive – serviço de armazenamento de dados em nuvem da empresa americana Google – começou a limitar o espaço que usuários podem armazenar fotos e vídeos. A mudança, em vigor desde o dia 1º de julho, garante agora armazenamento de 15 GB, divido entre os arquivos do Drive e Gmail.

Após o anúncio da novidade, usuários do Google, a quem também pertence o sistema operacional Android, se viram de mãos atadas devido a redução no armazenamento. Muitos deles, inclusive, passaram a contratar algum dos pacotes de armazenamento oferecidos pelo Google Drive.

Veja também: Facebook abre curso de marketing gratuito para empreendedores

Mas para quem não quer gastar, e mesmo assim deseja continuar utilizando os serviços após as mudanças, pode adotar algumas dicas de liberação de espaço. Veja quais são elas a seguir:

  1. Delete aquilo que não fizer mais falta: fotos e vídeos pouco importantes podem ser apagados para ceder espaço aos arquivos mais recentes e que podem estar associados ao cotidiano. Foque nos arquivos de áudio de grande qualidade, vídeos e imagens menos essenciais.
  2. Análise dos arquivos: verifique os documentos que mais consomem espaço no HD, como fotos, áudios vídeos antigos e que já não valem ser guardados. Uma dica é transferir os arquivos menos importantes para um outro dispositivo. A sugestão é acessar o gráfico do Google que informa a situação do armazenamento antes de tomar qualquer decisão.
  3. Faça uma limpeza no Gmail: o Google Drive conta com 15 GB gratuitos, o que pode ser muito dependendo da finalidade de uso. Nele, também está incluído o Gmail. O que de certa forma permite diminuir ainda mais o espaço utilizado ao fazer uma limpeza na parte de mensagens eletrônicas que vão se acumulando ao longo dos meses no e-mail, como os spams, por exemplo. Em muitos casos, elas podem liberar mais espaço do que se imagina.
  4. Desative o backup automático do seu celular: o backup automático de arquivos faz com que os documentos vão sendo salvos de forma automática, sem que o usuário se dê conta que está lotando o espaço utilizado no Google Drive com arquivos antigos ou de pouca utilização. Para desativar a opção, basta abrir o aplicativo Google Fotos, selecionar o ícone de engrenagem e depois tocar em “Configurações do Google Fotos”. Por último, basta clicar em “Backup e sincronização” e desativar a função caso ela esteja ligada.
você pode gostar também

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More