A Importância da Música na Educação Infantil

A música é um grande instrumento de aprendizado para crianças na educação infantil. Ela desenvolve a criatividade, além de ser importante para a socialização. Confira os benefícios desse método e como o aplicar.

0

A música tem um papel muito importante na vida e principalmente na educação das crianças. A musicalização traz para a criança um processo de conhecimento, que desenvolve a sensibilidade, criatividade, senso rítmico, imaginação, memória, respeito ao próximo, socialização e afetividade.

A música na educação infantil se mostra como um jeito mais dinâmico de envolver as crianças ao aprendizado. O que favorece a autoestima, gosto e senso musical.  Ou seja, uma boa música desenvolve diversas habilidades e benefícios para a vida da criança.

Qual a importância da música para a Educação Infantil?

A música tem a capacidade de estimular várias áreas do cérebro. Isso porque o desenvolvimento psicomotor, socioafetivo, cognitivo e linguístico é desenvolvido. Além de facilitar o processo de aprendizagem.

Um diferencial se relacionar a outras linguagens, como escrita e oral. Esse trabalho aumenta a sensibilidade das crianças e  incentiva a concentração e a memória.

Quanto mais cedo a escola iniciar o trabalho musical, melhor. A música faz parte da cultura das crianças, principalmente pelas músicas de ninar e  brincadeiras. Logo, a criança teria maior facilidade para adaptar-se à forma de aprendizado.

Mas se eu não souber tocar algum instrumento ou cantar?

Como dito anteriormente, a música é muito importante para o desenvolvimento e aprendizado de uma criança. Mas, se você como professor se vê incapaz por não tocar algum instrumento ou não saber cantar, a dica é tentar. Pode ser um grande desafio, mas não é impossível.

Você pode, por exemplo, usar uma gravação e estimular a garotada a cantar com você. Se na escola houver alguém que toque violão, peça auxílio.

Se o centro de ensino não estimular a atividade, não desanime. José Henrique Nogueira, que há 18 anos dá atividades de música na educação infantil sugere a leitura do Referencial Curricular Nacional para a Educação Infantil. Ele explica que o volume 3 traz atividades para crianças de 0 a 6 anos e discografias.

Quais músicas colocar?

As músicas que podem ser colocadas na educação infantil são variadas. A dica é sempre alternar o repertório. Desde o infantil até um jazz ou MPB, por exemplo.

Além disso, é muito interessante e chamativo contar histórias cantadas. Alguns professores costumam usar esse método para iniciar as atividades musicais. Você pode até mesmo trabalhar com fantoches. A professora da 1° série de Diadema Kátia Santos, cita como exemplo a sua turma.

A princípio, ela conta a história da Bela Adormecida com os fantoches. Depois, Ela coloca a música “A Linda Rosa Juvenil”, referente ao conto de fadas, e pede para as crianças cantarem com ela.

Sempre se planeje

É fundamental que o professor que queira trabalhar com música na educação infantil se prepare antes e não apenas em ocasiões especiais. Isso desenvolve somente a poesia e não uma educação musical.

O profissional deve estar atento a não cantar músicas apenas para ensinar o alfabeto ou para memorizar os números. Isso torna a educação mecânica e sem estímulo de  criatividade

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.