Investir neste recurso é o melhor para aumentar os seguidores no Instagram

Gerentes e diretores da plataforma afirmam que o objetivo dos conteúdos mudou. Para se destacar será necessário adaptar-se às mudanças.

O chefe de conteúdo e de parcerias com criadores do Instagram confirmou o que já se suspeitava. Em entrevista recente, Justin Anthony, disse que o Reels representa a principal ferramenta da plataforma.

Leia mais: Instagram vai bloquear mensagens e comentários preconceituosos

Assim, a recomendação para os iniciantes é investir pesado no formato de vídeos curtos. O segmento de conteúdos virais em vídeo tem sido destaque na maioria das redes sociais.

A dica, de acordo com Anthony, é apostar em produções originais e longe do perfeccionismo. Não quer dizer que o vídeo deva ser amador, mas sim honesto.

“Muitas pessoas sentem que precisam ser perfeitas e temos de lembrá-las constantemente de que quem tem sucesso está apenas sendo autêntico, mantendo a simplicidade”. Foi o que disse ao Business Insider, a gerente de parcerias da plataforma, Mitzi Gaitan. 

Mudança de objetivo

O aumento da relevância de vídeos curtos e espontâneos (à lá TikTok) estão na contramão da filosofia original da rede. Inicialmente, o Instagram prezava por conteúdos que ressaltavam beleza e até mesmo um certo perfeccionismo. A rede era utilizada prioritariamente para o compartilhamento de fotos. Quanto mais cobiçada fosse a vida do produtor de conteúdo, mais destaque ele teria.

Embora isso fosse verdade, hoje já não é mais. A vida “perfeita”, é claro, ainda fascina muitas pessoas, mas não é o que mais engaja na internet. Os usuários estão em busca de “verdade”, de honestidade e prezam cada vez mais pela originalidade.

O algoritmo do Instagram parece ter aprendido com as novas tendências. O sucesso meteórico do TikTok é um exemplo perfeito disso. Além deles, o próprio Youtube vai investir em conteúdos curtos e virais, através do Shorts. Esta é a tendência do momento e deve se manter por um bom tempo.

TikTok vem preocupando a rede social

Para se ter ideia, de acordo com o App Annie, o TikTok já atingiu o patamar de app mais baixado do Brasil. Depois dele vem o WhatsApp e, em terceiro lugar, aparece o Instagram.

Não é à toa que o Facebook anunciou investimento de US$ 1 bilhão para remunerar criadores. Os valores devem começar a ser distribuídos já em 2022, porém, ainda não há uma data específica.

Os administradores do Instagram também dizem que é importante utilizar os recursos da ferramenta. Não precisa utilizar todos, mas quanto mais opções, maior o público a ser abrangido. Contudo, esta é a hora de focar nos vídeos para Reels e conseguir um alto engajamento.

InstagramreelsseguidoresÚltimas Notícias