As empresas estão cada vez mais assustadas com os ataques cibernéticos

Veja dicas para se proteger dos ataques cibernéticos.

Muitas empresas estão se assustando com os ataques cibernéticos que continuam rolando em 2022. De acordo com a empresa russa Kaspersky, em comparação com o ano que passou, os sequestros de dados subiram em mais de 100% nas empresas da América Latina.

Leia mais: Conheça o malware responsável por limpar os dados do seu celular e zerar sua conta bancária

Outra empresa de segurança também fez um levantamento dos cibercrimes que ocorrem por ransomware no Brasil. Há, pelo menos, 17 grupos desse malware espalhados pelo Brasil. Por isso, é muito importante abrir os olhos e investir em programas de segurança.

Confira a seguir quatro previsões para antecipar os ciberataques, de acordo com Marco Fontenelle, representante da empresa de software Quest:

Os ataques cibernéticos seguirão aumentando

Está cada vez mais frequente a aparição de hackers cometendo esses crimes, que não se limitam mais apenas a grandes empresas, e agora podem afetar qualquer um. Eles invadem computadores, prendem as pastas e pedem uma quantia para fazer o desbloqueio dos mesmos.

Com isso, esses criminosos cibernéticos ameaçam a vítima para que haja o pagamento, caso contrário dizem que irão expor os arquivos roubados. Fora isso, ainda existe a questão da falta de profissionais especializados para fazer com que as empresas desenvolvam melhores estratégias para se prevenir desses ataques.

Deve haver um melhor gerenciamento das plataformas de trabalho

Com os novos hábitos trazidos pela pandemia, muitos empregos se tornaram híbridos ou até mesmo totalmente remotos. Por conta disso, o setor de tecnologia das organizações tem sentido uma pressão para manter uma maior segurança nos dados internos.

Nesse sentido, torna-se essencial a garantia correta de uma adesão, aumentar as boas práticas, assim como o controle de quem é de fora, e também é fundamental planejar políticas para o diálogo.

Mais ameaças internas

Quando há um aumento no fluxo dos empregados da sua empresa, onde há maior circulação de pessoas entrando e saindo, é importante aumentar a cautela. Sendo assim, é fundamental que o acesso ao sistema interno seja removido corretamente.

Entretanto, os trabalhadores trazem outro questionamento, a respeito da atuação e políticas na modalidade de trabalho remoto. Assim, é necessário que a segurança dos aparelhos remotos seja feita, assim como um cuidado com a burocratização demasiada do trabalho.

As mudanças tornando a transição complexa

Atualmente, as conversas via mensagem, em tempo real, tem se tornado o maior e melhor meio de comunicação para as pessoas, deixando a era dos e-mails para trás. Por isso, os profissionais da tecnologia vão precisar melhorar suas estratégias e considerar a complexidade dos padrões de operação e uso.

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More