Gol e Mercado Livre fazem parceria para melhorar a qualidade das entregas

A companhia aérea Gol anunciou uma parceria com a empresa de comércio eletrônico Mercado Livre, visando a minoração do tempo de entrega de produtos.

Na última terça-feira (19), a companhia aérea Gol anunciou uma parceria com a empresa de comércio eletrônico Mercado Livre, visando a minoração do tempo de entrega de produtos. Essa cooperação irá possibilitar o aumento de três aeronaves para nove, segundo o Mercado Livre.

Leia também: Mercado Livre almeja liderança no Brasil

A expectativa é de que o tempo de entrega dos produtos seja diminuído em 80%, especialmente para os clientes das regiões Norte e Nordeste. O prazo de entrega atualmente é de 7 ou 8 dias, mas deve cair para dois dias, segundo Fernando Yunes, vice-presidente sênior do Mercado Livre.

Aeronaves

As aeronaves da Gol serão transformadas em aviões cargueiros, fazendo um maior investimento no segmento. Assim, elas passarão do modelo Boeing 737-800NG para o B737-800BCF, específico para cargas. As entregas antes atingiam um número de 10 milhões anuais, mas através dessa parceria, poderão alcançar um número de 40 milhões, segundo afirmou a Gol em entrevista coletiva.

“Estamos fazendo a estreia da companhia na operação de aviões cargueiros através da Gollog, formando um novo modelo de negócios de grande relevância para o setor logístico e de carga no Brasil, com operações dedicadas ao transporte de cargas. Pouquíssimas empresas no mundo trabalham com este modelo. É motivo de orgulho para todos nós esta parceria com o Mercado Livre”, disse o presidente da Gol, Paulo Kakinoff.

Os primeiros três aviões que passarão pelo processo de transformação entrarão em operação em junho de 2022. A previsão é que, ao longo de 2023, o restante das aeronaves componha o serviço de entregas.

Júlio Perotti, diretor-executivo da Gollog, admitiu que a parceria aumenta a qualidade do e-commerce brasileiro. “Com a parceria, a GolLog aumenta em 80% as toneladas transportadas e a gama de serviços, com receita incremental de R$ 100 milhões no primeiro ano e cerca de R$ 1 bilhão nos próximos cinco anos de operação”, disse o executivo.

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More