O que são livros paradidáticos e exemplos de obras

Embora estejam presentes na nossa formação, muitas pessoas não sabem o que são os livros paradidáticos.

0

Provavelmente todo mundo que passou pela escola conhece o significado de livro didático. Isso porque ele é o material que nos acompanha, juntamente com o professor, por toda vida acadêmica, auxiliando, com exercícios e conteúdos.

Entretanto, existe outra modalidade de livros que é tão importante como os didáticos. Estamos falando dos livros paradidáticos. Embora o nome se parece com o primeiro, suas funções e conteúdos divergem entre si.

Mas para explicar o que se trata o livro paradidático, vamos primeiro para o seu antecessor. O livro didático tem a função de orientar o leitor sobre algo, por isso, ensina passo a passo de alguma atividade, conteúdo ou ação a ser seguida. Como o próprio nome indica, ele é instrutivo.

Por outro lado, os livros paradidáticos tem uma função um pouco mais profunda. Sendo assim, são eles que propõem aprofundamentos em assuntos específicos, levantam questionamentos e conceitos que os didáticos não conseguem, pelo seu caráter menos aprofundado.

Exemplos

Isso não significa que um seja melhor que outro, apenas que ambos tem objetivos diferentes na formação de um estudante. Além disso, embora o nome seja outro, muitos dos livros paradidáticos são bastante conhecidos na nossa sociedade. Sendo assim, confira abaixo alguns títulos de livros paradidáticos

1 Memórias póstumas de Brás Cubas – Machado de Assis

Memórias póstumas de Brás Cubas – Machado de Assis

2 Morte e Vida Severina – João Cabral de Melo Neto

Morte e Vida Severina – João Cabral de Melo Neto

3 O Alienista e o Enfermeiro – Machado de Assis

O Alienista e o Enfermeiro – Machado de Assis

4 A Palavra Mágica – Moacyr Sclyar

A Palavra Mágica – Moacyr Sclyar

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.