Os 10 países mais corruptos do mundo

A corrupção é um empecilho que acomete países do mundo todo, gerando problemas sociais e dificuldade a nação.

0

A corrupção é um problema social que acontece em todas as partes do mundo, não só no Brasil. Por isso, essa é um preocupação mundial e algumas instituições realizam pesquisas sobre a corrupção em todos os países e divulgam seus resultados para a população.

Esse é o caso da ONG Transparency International (TI), que todos os anos publica um ranking chamado “Índice de Percepção de Corrupção” (CPI – Corruption Perceptions Index).

Nesse ranking estão listado os países em grau de honestidade no setor público, organizados de acordo com o índice que vai de zero, indicando elevado nível de corrupção, a 100, como país muito honesto – ou menos corrupto.

Além disso, a classificação é feita através de pesquisas internacionais, avaliando a corrupção, sendo entendida por eles como “abuso do poder público para fins privados“.

PUBLICIDADE

O Brasil encontra-se em 105º lugar no Índice de Percepção da Corrupção, possuindo um total de 35 pontos.

Seguindo os dados da pesquisa realizada em 2018 pela Transparency International, confira a lista dos países mais corruptos do mundo.

Os 10  países mais corruptos do mundo

1 Somália (10 pontos)

Somália (10 pontos)

A Somália, denominada oficialmente de República Federal da Somália, ocupa a colocação de país mais corrupto do mundo. O país foi colônia do Reino Unido e da Itália e sua independência tardia aconteceu no ano de 1960. Este país esta localizado no continente africano e possui uma República Parlamentarista como forma de governo.

2 Síria (13 pontos)

Síria (13 pontos)

A Síria, juntamente com o Sudão do Sul, apresenta 13 pontos na lista dos mais corrutos. Seu nome oficial oficialmente República Árabe Síria e está localizado na Ásia Ocidental, fazendo fronteira com o Líbano, Mar Mediterrâneo, Turquia, Iraque, Jordânia e Israel.

A síria é formalmente uma república unitária, mas com a constituição de 2012 transformou-se em uma república semi-presidencial.

3 Sudão do Sul (13 pontos)

Sudão do Sul (13 pontos)

A República do Sudão do Sul está localizado na parte nordeste do continente Africano, ao Sul do Sudão. O país obteve um domínio do Egito e Reino Unido, passando por processos de independência e guerras civis. Com isso, somente em 2011, o Sudão do Sul se tornou autônomo e reconhecido como Estado independente.

Apesar do território do Sudão do Sul ser rico em petróleo, o país possui problemas econômicos, sendo considerado um dos países mais pobres do mundo e com altos índices de mortalidade infantil.

O país possui como governo uma república presidencialista, com o presidente Salva Kiir Mayardit como chefe de Estado.

4  Coréia do Norte (14 pontos)

 Coréia do Norte (14 pontos)

A Coréia do Norte é um país situado no leste da Ásia e faz fronteira com a Coreia do Sul, a China e Rússia. O país se descreve como um Estado socialista autossuficiente, comandada por Kim II-sung, mas é considerada por muitos analistas como ditadura stalinista totalitária.

Dessa forma, a constituição vigente do país desde 1972 usa de da ideologia de autossuficiência nacional. Além disso, estabelece os meios de produção como propriedade do Estado, assim como os a maioria dos serviços oferecidos para a população são subsidiados pelos Estado.

5 Iémen (14 pontos)

Iémen (14 pontos)

O Iémen é um país árabe que ocupando a extremidade sudoeste da Península Arabia e faz fronteiras com a Arábia Saudita e Omã.

É um país considerado em desenvolvimento e tem sua economia predominantemente rural e agrícola. Além disso, possui economia de exportação voltada ao petróleo. Porém, ainda sim é considerado o país mais pobre do Oriente Médio.

6 Afeganistão (16 pontos)

Afeganistão (16 pontos)

A República Islâmica do Afeganistão é um estado situado na parte central da Ásia. Os países que fazem fronteira com o Afeganistão são o Irão, Turquemenistão, Uzbequistão, Tajiquistão, China e Paquistão. Atualmente, o país é comandado por Ashraf Ghani.

Infelizmente o território Afeganistão, foi palco de muitas disputas e guerras militares, sendo considerado atualmente o país mais perigoso do mundo e o maior produtor de refugiados.

7 Guiné Equatorial (16 pontos)

Guiné Equatorial (16 pontos)

A República da Guiné Equatorial esta localizada na África Ocidental e faz fronteiras com Camarões e Gabão. O país possui o maior Produto Interno Bruto (PIB) per capita de todo o continente Africano, sendo um dos maiores produtores de petróleo da região.

Entretanto, o país sofre com a desigualdade social, em decorrência da má distribuição de renda. De acordo com a ONU, menos da metade da população possui acesso a água potável e cerca de 20% das crianças morrem antes de completar 5 anos.

Além disso, a Guiné Equatorial vive uma república semi-presidencialista, presenciando um regime autoritário, tendo como presidente o político  Teodoro Obiang Nguema Mbasogo.

O governo local possui um grande número de críticas como a designação de “predadores de liberdade de imprensa.

Além disso, o país possui péssimos registros de direitos humanos e está nas piores colocação de direitos políticos e civis feitos pela Freedom House.

8 Guiné-Bissau (16 pontos)

Guiné-Bissau (16 pontos)

A Guiné-Bissau é denominada oficialmente como República da Guiné-Bissau, situada na África Ocidental e com fronteira com Senegal e Guiné.

O país possui um histórico de instabilidade política desde sua independência. Assim, nenhuma presidente eleito no país conseguiu terminar com sucesso um mandado completo.

Apesar da língua oficial do país ser o português, apenas pequena parte da população é falante da língua. Enquanto isso, 980,4% da população usa e fala língua crioulo da Guiné-Bissau.

9 Sudão (16 pontos)

Sudão (16 pontos)

A República do Sudão é um país africano estabelecido como república federal presidencial democrática e representativa, sendo governado por uma junta militar.

Além disso, é considerado o 3º maior país da Africa, fazendo fronteira com Eritreia, Etiópia, Sudão do Sul, República Centro-Africana, Chade, Líbia e Egito.

A economia do país é baseada na produção petrolífera e, principalmente, na agricultura. Entretanto, apesar dos investimentos financeiros e desenvolvimentos econômicos, mais de 50 da população vive abaixo da linha da pobreza.

10 Burundi (17 pontos)

Burundi (17 pontos)

A República do Burúndi é um pequeno país localizado na África que vive uma república presidencialista comandada por Pierre Nkurunziz. Abrange uma área de 27 834 km² e considerado um dos países mais pobres da África.

Além disso, é ser uma país rico em recurso minerais que desenvolve sua economia na agricultura. Entretanto, o país não possui uma produção autossuficiente devido aos problemas acarretados pela guerra civil, superpopulação e a erosão do solo.

Veja também: 

PUBLICIDADE

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.