Projeto disponibiliza livros completos para leitura pelo Instagram Stories

Proposta é pioneira no país e os livros estão acessíveis para qualquer pessoa, pelo celular. primeiro livro liberado é “O Alienista”, de Machado de Assis.

0

Já parou para pensar quantas horas por dia você passa nas redes sociais? Com o período de quarentena, advindo pelo coronavírus, isso se intensificou. Pensando nisso, a plataforma Árvore de Livros lançou uma nova edição do Projeto Histórias da Árvore.

Por meio da iniciativa, o grupo adapta livros para serem lidos integralmente por meio do Instagram Stories. O projeto é pioneiro no país e os títulos estão acessíveis para qualquer pessoa, pelo celular.

Iniciativa visa impactar o público mais jovem, que já utiliza as redes sociais para outros tipos de interação. O primeiro livro liberado é “O Alienista”, de Machado de Assis.

Leitura pelo Instagram Stories

A leitura via Stories é igual como a leitura de outro post no Instagram. Após 24h visíveis, os trechos vão para o destaque da página. Isso quer dizer ainda poderão ser lidos depois.

A expectativa do projeto é de que, quinzenalmente, novos trechos de obras sejam compartilhados na página do grupo, no Instragram.

Árvore de Livros

A Árvores e Livros é uma edtech nacional, lançada no ano de 2014. Seu propósito é transformar a educação no Brasil por meio da formação de novos leitores. Atualmente, a plataforma possui parceria com mais de 600 editoras e mantém mais de 30 mil títulos disponíveis.

A edtech também oferece apoio pedagógico aos educadores, assim como relatórios que possibilitam acompanhamento da leitura. Todas as didáticas estão alinhadas à Base Nacional Comum Curricular.

Em 2019, a Árvore se uniu à Guten, plataforma de leitura voltada para atualidades. O objetivo da parceria é o desenvolvimento de habilidades leitoras e senso crítico dos estudantes.

A Árvore de Livros já ganhou quatro anos consecutivos o Top Educação. Esse evento premia as marcas mais lembradas entre as empresas que atuam na área. Em 2019, foram finalistas no EdtechX, que reconhece as startups mais inovadoras do mundo.

Confira também: Confira mais de 650 bolsas de estudo para fazer um curso fora do Brasil em 2021

PUBLICIDADE

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.