Respiração pulmonar

Continue lendo para saber os detalhes desse tipo de respiração.

0

A respiração pulmonar é o processo de trocas gasosas entre o animal e o meio ambiente que acontece por meio dos pulmões.

Esse tipo de respiração acontece nos mamíferos, nas aves, em alguns moluscos e alguns anfíbios.

Durante a respiração pulmonar ocorre a troca de gás carbônico por oxigênio, num processo chamado de hematose.

Inspiração e expiração

A inspiração é a entrada do ar nos pulmões e a expiração é o processo de saída do ar.

Nos mamíferos, a entrada e saída de ar nos pulmões acontece graças ao movimento do diafragma, um músculo localizado junto as costelas inferiores e ao esterno.

Conforme o diafragma se movimenta, a capacidade torácica aumenta ou diminui, permitindo assim a entrada ou saída do ar.

Durante a inspiração, o diafragma se contrai e o volume da caixa torácica é expandido, fazendo com que o ar possa entrar nos pulmões.

Quando a expiração acontece, o diafragma relaxa e o volume da caixa torácica diminui, expulsando o ar de dentro dos pulmões.

Respiração pulmonar - inspiração e expiração nos humanos
Respiração pulmonar – Inspiração e expiração nos humanos.

O caminho percorrido pelo ar

Vamos usar os humanos para exemplificar o caminho percorrido pelo ar durante a respiração pulmonar.

O ar entra no corpo através das cavidades nasais que são revestidas por pelos que funcionam como filtro contra impurezas e microrganismos.

Além de filtrado, o ar também é umedecido e aquecido dentro das cavidades nasais. Dessa forma, mesmo que você esteja em um local com temperaturas extremas, seja para o calor ou para ao frio, o ar sempre irá entrar no seu corpo em uma temperatura adequada.

Após sair das cavidades nasais, o ar passa pela faringe, laringe, percorre a traqueia e chega até os pulmões através dos brônquios.

Depois, o ar é levado até os bronquíolos e chegam até os alvéolos pulmonares, onde ocorre a hematose. O oxigênio passa por difusão para o sangue venoso, abundante em gás carbônico, que chega através dos capilares.

Por sua vez, o gás carbônico é difundido para dentro dos alvéolos e o sangue se torna rico em oxigênio, passando a ser chamado de sangue arterial.

Hematose - como ocorre o processo de trocas gasosas
Hematose – Veja como ocorre o processo de trocas gasosas.

Peixes com respiração pulmonar

A maioria dos peixes possui respiração branquial, no entanto, algumas espécies possuem um pulmão primitivo e podem ter também a respiração pulmonar.

O pulmão primitivo é uma estrutura com muitos vasos sanguíneos que é ligada a faringe desses peixes, são esses vasos sanguíneos que permitem a troca gasosa.

Apesar de pouco conhecidos popularmente, os peixes pulmonados existem desde o Período Devoniano, há pelo menos 400 milhões de anos. Esses peixes são raros, existem apenas três famílias e seis espécies de peixes pulmonados já conhecidos. No Brasil, o único peixe pulmonado conhecido é a piramboia.

Respiração pulmonar - Peixe pulmonado - Piramboia
Respiração pulmonar – Peixe piramboia.

Veja também:

PUBLICIDADE

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.