Saiba como obter desconto no pagamento da dívida do FIES

Os bancos serão obrigados, por lei, a conceder descontos que podem variar entre 12% e 92%. Saiba mais!

Segundo dados do Ministério da Educação, os estudantes que tem contratos firmados até 2017 com instituições financeiras credoras para o Financiamento Estudantil (Fies) já podem pedir o refinanciamento da sua dívida. Sendo assim, os bancos serão obrigados, por lei, a conceder descontos que podem variar entre 12% e 92%. Portanto, confira este artigo e saiba como obter desconto no FIES.

Leia mais: O dependente químico tem benefício assegurado pelo INSS?

Como negociar dívidas do FIES?

Os responsáveis pela renegociação das dívidas são os agentes financeiros do Fies, os bancos públicos Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal. Além disso, a negociação poderá ser feita de forma integral através dos canais de atendimento disponibilizados pelas instituições, ou seja, o processo é 100% digital. As prestações de renegociação do Fies terão o valor mínimo de R$ 200.

Entretanto, para ter seu nome retirado dos cadastros de órgãos de proteção ao crédito, os beneficiários deverão pagar o valor da entrada no momento da renegociação, correspondente à primeira parcela. Os alunos interessados podem consultar o site da Caixa e verificar se podem ou não pedir a renegociação de acordo com as regras estabelecidas pela instituição. Além disso, os estudantes com débitos do Fies no Banco do Brasil, podem consultar sua situação por meio do aplicativo da instituição.

Renegociação vai acontecer da seguinte forma

  • Parcelamento da dívida em até 150 meses;
  • Redução de 100% de juros e multas;
  • Concessão de 12% de desconto sobre a dívida para quem escolher fazer o pagamento integral;
  • 92% de desconto sobre a dívida para quem tem mais um ano de atraso nos pagamentos e está inscrito no Cadastro Único ou foram beneficiários do auxílio emergencial;
  • 86,5% de desconto no saldo total da dívida para os demais estudantes;
  • Valor mínimo da prestação é de R$ 200;
  • Retirada do nome dos cadastros de pessoas negativadas após o pagamento da entrada.

O Banco do Brasil e a Caixa devem disponibilizar essa negociação, lembrando que só é possível renegociar diretamente com o banco em que o financiamento foi feito. Além disso, a Caixa disponibilizou um portal para poder simular a renegociação, basta acessar o site sifesweb.caixa.gov.br.

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More