Consumo de chocolate amargo auxilia no controle do colesterol e regula o metabolismo

Recomendado após as refeições, o chocolate amargo traz muitos benefícios à saúde. Confira agora quais são eles!

Muito consumido principalmente pelos brasileiros, o chocolate amargo é feito de grãos de cacau torrados e não conta com a adição de leite e nem de grandes quantidades de açúcar. Segundo estudos, o doce oferece muitos benefícios, do físico ao psicológico. Portanto, confira agora os benefícios do consumo do chocolate amargo.

Leia mais: Pessoas que consomem brócolis tem um menor risco de contrair certas doenças

O melhor tipo de chocolate

Quando se trata do melhor tipo de chocolate a ser ingerido, principalmente após refeições, é preferível que você opte sempre pelas versões com pelo menos 70% de cacau em sua composição, conhecidos como “chocolates amargos”.

Isso porque, na produção do chocolate branco e do chocolate ao leite, adiciona-se muito açúcar e gorduras saturadas, com a finalidade de torná-los doces e mais palatáveis. Porém, tais compostos não são recomendados para consumo regular, e por isso, devem ser evitados.

Benefícios do chocolate amargo

  • Aumento de libido

A teobromina e a feniletilamina são duas substâncias presentes no cacau que funcionam como estimulantes sexuais. Além disso, a feniletilamina também atua como um neurotransmissor que auxilia na liberação de hormônios associados ao prazer e ao bem estar.

  • Controle do açúcar no sangue

Desde que seja em sua versão 70% cacau, o chocolate ajuda no controle do açúcar no sangue, uma vez que seu índice glicêmico é muito baixo. Ademais, também estimula a função celular correta, pois auxilia a manter a glicose regulada.

  • Regulação do metabolismo

Se consumido com moderação, o chocolate amargo atua como um excelente regulador do metabolismo. Ou seja, o organismo consegue manter um peso corporal adequado e o seu bom funcionamento.

  • Equilíbrio dos níveis de colesterol

O chocolate que leva pelo menos 70% de cacau em sua composição consegue bloquear a absorção do “colesterol ruim” (LDL) pelo intestino. Além disso, existe uma gordura presente na manteiga do cacau que aumenta o “colesterol bom” (HDL), garantindo assim uma melhor funcionalidade do organismo, pois ele auxilia na prevenção de doenças do coração.

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More