Canoagem

A canoagem é um esporte recente e vem ganhando popularidade. Saiba mais sobre esse esporte e suas principais modalidades.

0

As canoas foram primeiro desenvolvidas pelos povos nativos da América do Norte.

A canoagem surgiu e se popularizou na Groenlândia, onde as canoas eram principalmente utilizadas como transporte de pesca e de trabalho pelos esquimós.

A palavra canoa é originada da palavra Kenu, que significa dugout, um tipo de canoa construída de tronco de árvore.

Origem, história e popularização

Alguns registros apontam a utilização de transportes semelhantes no Egito, no século XV a.C. Historiadores acreditam que os astecas já usavam uma espécie de pá.

Além disso, no século XVI, embarcações leves, feitas de madeira e pele de animais, eram construídas para atravessar rios. Os índios utilizavam suas canoas enquanto os esquimós usavam os caiaques.

História da canoagem
História da canoagem.

Atualmente a canoagem é famosa por ser um esporte náutico praticado com canoa e caiaque, que foi recentemente adicionada na lista de esportes Olímpicos.

A canoagem começou a se popularizar após o advogado escocês John Mac Gregor realizar expedições em rios e lagos da Europa a Bordo do seu caiaque, no ano de 1840, feito por ele mesmo, nomeado como Rob Boy.

O primeiro clube de canoagem foi fundado em 1865 no Reino Unido, chamado Royal Canoe Club. No ano de 1924, foi fundada a Confederação Internacional de Canoagem, com a responsabilidade de organizar competições mundiais.

No Brasil

A modalidade só chegou no Brasil no ano 1943, pelo imigrante José Wingen, que construiu um caiaque de madeira em memória às competições que participava quando criança na Alemanha. A partir disso, a embarcação chamou a atenção da população da região e logo mais foi se popularizando.

Tempos depois, os caiaques começaram a ser importados da Europa e Argentina, fabricados com fibra de vidro.

Surgindo uma necessidade de regulamentação no Brasil, surge a CBCa (Confederação Brasileira de Canoagem), a qual é responsável por organizar e regulamentar competições das modalidades.

Nos jogos olímpicos de 2016, o Brasil ganhou três medalhas olímpicas na canoagem com Isaquias Queiroz, que ganhou duas medalhas de prata, uma delas ao lado de Erlon Silva, e uma de bronze.

Atualmente os caiaques são feitos de resina de poliéster com fibra de vidro, ou de resina epóxi com fibra de carbono e modelos de polietileno.

Os caiaques são basicamente divididos em quatro partes: a proa, parte da frente; a popa, parte de trás; bombordo é o lado esquerdo e estibordo, o lado direito.

Diferença nas categorias de canoagem

  • Caiaque: um remo com duas pás e o atleta vai sentado
    K1: Prova individual
    K2: Em dupla
    K3: Com quatro pessoas
  • Canoa: apenas uma pá no remo e a posição o atleta tem um dos joelhos apoiado no assoalho, na posição canoísta.
    C1: Prova individual
    C2: Em dupla
    C3: Com quatro pessoas

Canoagem slalom

Esse tipo de modalidade pode ser feita em uma caiaque ou canoa, sendo considerada uma das modalidades mais radicais dos Jogos Olímpicos.

O esporte é baseado na descida de corredeiras com o auxílio do remo e passa por obstáculos naturais ou artificiais, no menor espaço de tempo.

A categoria foi apresentada nas Olimpíadas de Munique, em 1972. Porém, somente 20 anos depois virou modalidade olímpica, na edição dos jogos em Barcelona, em 1992.

Os percursos da canoagem slalom variam de 250 a 400 metros, onde o atleta passa por entre 18 e 25 balizas, ou portas, divididas por cores e posições diferentes para exigir muita mobilidade por parte do competidor.

As embarcações recebem sinal de largada com um minuto de diferença entre elas nas provas individuais e nas provas de equipe descem três simultaneamente. Nas fases eliminatórias são duas descidas, valendo a melhor, e apenas uma descida nas semifinais e finais.

Canoagem Slalom

Canoagem de velocidade ou canoagem sprint

Essa é uma das modalidades mais antigas, mas é uma das menos conhecidas. Talvez por ser menos radical que as outras, como a slalom.

A canoagem de velocidade também é uma modalidade Olímpica e suas provas são realizadas em rios, lagos ou canais construídos artificialmente, com 2 metros de comprimento e 3 metros de profundidade, dividido em nove pistas ou raias. O objetivo é chegar o mais rápido possível à meta.

Nos jogos Olímpicos, as provas femininas são de 200 a 500 metros e as provas masculinas são de 200 e 1000 metros.

Canoagem de Velocidade

Canoagem freestyle

Essa modalidade já é mais recente, aprovada pela Confederação apenas em 2004. Consiste em fazer manobras nas ondas e correntezas nos rios durante 40 segundos. O objetivo é ganhar a maior pontuação efetuando manobras.

Canoagem Freestyle

Canoagem de maratona

A prova consiste em fazer um percurso, normalmente com mais de 15 km, e o ganhador é aquele que chegar primeiro.

As regras dessa modalidade são mais flexíveis, pois não existe uma extensão jé pré-determinada para as provas e os sítios, onde ocorrem as corridas, também pode variar muito, podendo acontecer em rios de grande extensão, por cima de rochas ou até em mar aberto.

As categorias dessa modalidade são:
Para homens: K1, K2, K4, C1 e C2
Para mulheres: K1 e K2
Mistos: K2 e C2

Caiaque polo

Essa modalidade é parecida com polo aquático, só que usando caiaques. A prova acontece em piscina de 30 metros de comprimentos por 20 metros de largura e os caiaques medem no máximo 3 metros de comprimento.

Cada equipe é formada por cinco canoístas e o objetivo é marcar o maior número de pontos possíveis jogando a bola na baliza do adversário que fica suspensa no ar a dois metros do nível da água.

Cada jogador só pode ter a bola na mão por cinco segundos. Os remos só podem ser utilizados para defesa ou para transportar a bola.

Caiaque Polo

Kayaksurf

Atualmente é feito um campeonato de Mundial de Kayaksurf de dois em dois anos, com várias categorias internas, sendo diferenciadas pelos tamanhos dos caiaques e formas.

Esta modalidade é feitas em praias e o que vale são as manobras realizadas por cada competidor durante a competição. Vence o atleta com maior pontuação.

Kayaksurf

Waveski

É composto por uma prancha mais grossa, porém mais resistente e leve, onde o atleta vai sentado, utilizando um remo duplo para guiar o waveski.

As competições são efetuadas como no surf, julgando pelas melhores manobras e performances em um período de 20 minutos.

Canoagem Waveski

Principais atletas brasileiros:

  • Ana Sátila (slalom)
  • Anderson Oliveira (slalom)
  • Caio Ribeiro (paracanoagem)
  • Erlon Silva (velocidade)
  • Erlon Souza (velocidade)
  • Felipe Borges (slalom)
  • Isaquias Queiroz (velocidade)
  • Luis Carlos Cardoso (paracanoagem)
  • Mari Santilli (paracanoagem)
  • Pedro Gonçalves (slalom)

Conheça também:

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.