Como cuidar de costela-de-adão

Continue lendo para conhecer como cuidar dessas lindas plantas muito usadas na ornamentação dos ambientes.

A costela-de-adão é uma planta de origem mexicana que se adapta muito bem a climas tropicais. Elas possuem folhas grandes, verdes e com recortes que formam desenhos parecidos com costelas, dai seu nome popular.

Essa planta se tornou a queridinha dos paisagistas e é muito utilizada em arranjos e jardins. Além de bonita, a costela-de-adão é uma planta resistente e versátil, que pode se adaptar a quase todos os ambientes.

As costelas-de-adão podem sobreviver com pouca água, baixa luminosidade e em temperaturas frias.

Confira a seguir como cuidar de costela de adão!

Costela-de-adão
Costela-de-adão

Cultivo da costela-de-adão

A costela-de-adão pode ser cultivada a meia-sombra, onde a incidência de luz aconteça de forma indireta. Se houver possibilidade, coloque o vaso no Sol por algumas horas nos dias de inverno.

Mantenha o substrato sempre úmido e aplique pequenas quantidades de adubo orgânico uma vez por mês para manter o solo fértil. A rega deve ocorrer sempre que o substrato estiver seco, principalmente nos meses de verão.

Por serem muito grandes, as folhas podem ser limpas com esponja úmida para retirar o pó, tenha bastante cuidado para não machucar as folhas, ou sua planta ficará escura.

A costela-de-adão é uma planta tóxica, portanto, tenha cuidado no manuseio das folhas e, principalmente, dos frutos. Evite que crianças e animais de estimação manuseiem a planta.

Costela-de-adão
Costela-de-adão

Veja também:

você pode gostar também

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More