Como fazer um bom resumo passo a passo

0

Temos muitos gêneros textuais presentes na língua e é muito importante dominar cada um deles, tanto para interpretá-los como para criá-los. O resumo é um bom exemplo, esse gênero apresenta suas características específicas de um tipo de escrita, é sempre muito cobrado no ambiente escolar e acadêmico, além de ser o seu melhor aliado de estudo, vejamos quais são elas.

O resumo é um texto que deve sintetizar as ideia principais apresentadas pelo autor de modo que você deverá condensar sua estrutura essencial. Para elaborá-lo, é necessário, primeiramente, ler, decodificar, compreender e interpretar um texto para ter como resumi-lo. Também é preciso ter em mente qual a finalidade dele, seja para um trabalho escolar ou acadêmico, ou para se preparar para provas e produções de textos de diversos processos seletivos.

Podemos citar 3 tipos de resumos: o indicativo, aquele que apresenta apenas os pontos principais do texto; o informativo é aquele que informa sobre o texto lido expondo os dados e conclusões; e o resumo crítico (resenha) é aquele que apresenta uma análise de interpretação de texto trazendo suas opiniões sobre o texto lido. Aqui, falaremos sobre o resumo indicativo, observe as suas principais características:

a) apresentar de forma clara e objetiva as principais ideias que o texto contém;
b) não fazer juízo de opinião, pois este texto não apresenta aspectos interpretativos, apenas compreensivos de um texto, diferentemente da resenha;
c) respeitar a ordem das informações trazidas; e
d) não possuir cópia de trechos extensos do texto original.

Ao elaborar esse gênero, é importante seguir os seguintes passos:

leia o texto a ser resumido com o intuito de compreender as ideias principais, identificando o houve na história, quais são os personagens envolvidos, como, quando e onde aconteceu;
marque os termos principais do texto e faça anotações, se necessário, sobre cada um dos parágrafos do texto a ser resumido;
comece a redigir o resumo quando não tiver mais que consultar o texto, pois é o sinal de que terá compreendido-o;
releia o texto verificando se está claro e objetivo, analisando se está de acordo com o que foi lido e expressado pelo autor.

Esses passos deverão ser seguidos juntamente com a aplicação de três técnicas:

1) Generalização: consiste em sintetizar os elementos das frases, como por exemplo:
Uma sentença como: Maria comeu beterraba, abobrinha e cenoura no jantar.
Pode ser resumida em: Maria comeu legumes no jantar

2) Apagamento: consiste em apagar as partes desnecessárias para o entendimento daquilo que é essencial ao texto, por exemplo:
Uma sentença como: Maria ganha muito bem, ela ganha comissão mais os direito a vale alimentação, plano de saúde e vale transporte.
Pode ser resumida em: Maria ganha bem.

3) Construção: substituir uma sequência de fatos apenas pelo principal, conforme o exemplo:
Uma sentença como: Maria foi ao mercado para comprar arroz, feijão e mistura e fez um almoço delicioso hoje.
Pode ser resumida em: Maria fez o almoço hoje.

Tenha essa receita sempre em mente e você estará preparado para fazer um resumo para organizar as ideias de um texto durante o estudo de uma matéria para se preparar para provas, vestibulares e concursos, ou escrever um ótimo resumo quando solicitado pelos professores da sua escola ou faculdade.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.