3 doenças causadas por alimentos mal lavados

É muito comum pessoas se contaminarem por não lavarem corretamente as frutas e verduras.

Com o aumento do uso de agrotóxicos na alimentação e a disseminação de vírus e bactérias, saber higienizar corretamente frutas e verduras é essencial. Por isso, lave bem as cascas de frutas e legumes com bicarbonato de sódio, alvejante ou água sanitária, por exemplo. Além de remover a sujeira, esses produtos químicos também podem se livrar dos vírus e bactérias que causam certas doenças.

Confira agora informações sobre como higienizar os alimentos e evitar contaminação de doenças.

Leia mais: 14 alimentos que mais contêm agrotóxicos no Brasil

Passo a passo para higienizar os alimentos

Antes de lavar frutas e verduras, é necessário limpar bem as nossas próprias mãos para eliminar qualquer sujeira e, em seguida, retirar as partes estragadas dos alimentos. Depois disso, você deve seguir os seguintes passos:

  • Para retirar a sujeira visível aos olhos, lave os legumes com uma escovinha, água e sabão neutro.
  • Em seguida, deixe as frutas e legumes que tenham casca de molho em um recipiente com 1 litro de água e 1 colher de chá de bicarbonato de sódio ou água sanitária por aproximadamente 15 minutos;
  • Por fim, para remover o produto utilizado na descontaminação, lave as frutas e legumes em água potável novamente.

Além disso, é importante ter cuidado para não misturar alimentos limpos com alimentos sujos ou crus. Assim, aqueles que já estiverem cozidos só devem ser lavados com água corrente para retirar alguma sujidade, pois o calor elimina os microrganismos presentes.

Lembre-se!

É válido lembrar que, ao usar um produto químico para lavar vegetais, você deve ler as instruções da embalagem para respeitar a quantidade utilizada e evitar que a substância se acumule no seu corpo. Por isso, o ideal é sempre seguir as orientações.

3 doenças causadas por alimentos mal lavados

  • Salmonelose

Alimentos contaminados pela Salmonella podem gerar sintomas como náuseas, vômitos, dor abdominal, diarreia, febre alta (maiores de 38º), dores musculares e de cabeça em um período inicial de 8 a 48 horas após a contaminação.

  • Bacillus Cereus

Quando consumidos, os alimentos contaminados com o microrganismo Bacillus Cereus podem causar sintomas como enjoos, diarreia, vômitos em alta intensidade e fadiga excessiva dentro de 16 horas após a ingestão do alimento.

  • Staphylococcus Aureus

É possível que alguns alimentos possam estar contaminados com toxinas produzidas pelo chamado Staphylococcus Aureus, que podem gerar inflamação do revestimento do trato gastrointestinal e levar a sinais e sintomas como vômitos, diarreia e enjoos algumas horas após a ingestão do alimento.

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More