Dobramentos modernos

Descubra tudo sobre estas formações geológicas: como elas se formam, qual a sua composição, principais características e onde podem ser encontradas.

0

Os dobramentos modernos, assim como as bacias sedimentares e os escudos cristalinos, são formas geológicas que compõem a superfície da Terra. Elas se diferenciam da classificação do relevo, principalmente por levarem em conta o processo de formação e as rochas predominantes, ao invés da forma externa.

Segundo os geólogos, os eles se formaram a partir do encontro de duas placas tectônicas convergentes. Por isso, recebem o nome de dobramento.

O que são dobramentos modernos

Os dobramentos modernos, também chamados de dobramentos terciários, cadeias orogênicas ou ainda cinturões orogênicos, são um tipo de formação geológica, considerada recente em relação às demais, com cerca de 250 milhões de anos.

Levando em consideração a pouca idade geológica, é possível dizer que ao longo do tempo eles sofreram pouca interferência de fatores externos, os chamados agente exógenos. Assim, podemos atribuir a característica acidentada dos terrenos característicos dos dobramentos a este motivo.

Eles são formados principalmente por rochas magmáticas e rochas metamórficas e ocorrem principalmente em locais de altitude elevada, sendo as cordilheiras um dos melhores exemplos.

O grande responsável pelo surgimento dos dobramentos modernos foi o tectonismo, em especial, os movimentos orogenéticos. Estão localizados em áreas de instabilidade geológica, justamente por conta dos choques e da intensa movimentação das placas tectônicas.

Quais as principais características dos dobramentos modernos? Entre estas, podemos citar pouca atividade relacionadas a erosões, presença de minerais metálicos e não metálicos, relevo pontiagudo e grandes chances de terremotos.

Dobramentos modernos pelo mundo

Esse tipo de formação geológica  está presente em praticamente todos os continentes. O Monte Everest figura como o maior dobramento moderno do mundo. Ele está localizado na Ásia, mais precisamente na cadeia montanhosa chamada Cordilheira do Himalaia.

Veja a seguir alguns exemplos de dobramentos modernos e a sua respectiva localização.

  • Cordilheira do Atlas – África
  • Monte Everest – Ásia
  • Apeninos – Europa
  • Montes Cantábricos – Europa
  • Monte Aconcágua – América Latina
  • Montes Urais – fronteira entre a Europa e a Ásia
  • Alpes Suíços – Europa

Existem dobramentos modernos no Brasil? O território brasileiro está localizado ao centro da placa tectônica Sul-Americana, por este motivo, não aconteceram choques tectônicos durante a sua constituição. Dessa forma, não há nenhum dobramento moderno no Brasil.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.