Quem foi Emmi Pikler? Conheça a sua história e metodologia

Você já ouviu falar em Emmi Pikler e a sua contribuição para a educação? Leia nosso artigo para saber mais sobre ela e conhecer a sua história!

Lidar com crianças na primeira infância, bem como o desenvolvimento e a educação delas, é algo que requer muita responsabilidade e dedicação. Manter-se informado sobre métodos pedagógicos faz parte desse processo.

Emmi Pikler dá nome a uma das principais abordagens relacionadas à educação, especialmente ao que se refere ao estímulo do desenvolvimento sadio das crianças.

Neste artigo você vai saber quem foi Emmi Pikler e as razões para que suas contribuições sejam frequentemente adotadas pelos pais e pelas escolas. Basta acompanhar a leitura!

A história de Emmi Pikler

Emilie Madeleine Reich nasceu em 9 de janeiro de 1902 em Viena, Áustria. Porém, mudou-se ainda criança para Budapeste com seus pais, um artesão e uma professora. Aos 12 anos a sua mãe faleceu e ela foi criada somente pelo pai.

Emmi Reich se forma em medicina em sua cidade natal no Hospital Infantil da Universidade de Viena, assume o sobrenome do marido e se torna Emmi Pikler após o seu casamento com o professor e matemático. Juntos, criaram sua primeira filha com os princípios de desenvolvimento com liberdade e respeito ao tempo e ao limite, o que, posteriormente, veio a embasar a abordagem Pikler.

A sua formação no hospital infantil conduzida por Hans Salzer, a leva à qualificação como pediatra. E, pelo resto de sua vida, a médica fez valer a sua especialização.

Emmi viveu durante o cenário da Segunda Guerra Mundial e teve que lidar com a prisão do seu marido por seu judeu. Isso afetou enormemente a sua vida pois precisou do auxílio da família que ela prestava serviços como médica para sobreviver. Mas, ao final da guerra, ela voltou o seu trabalho para crianças subnutridas, órfãs e abandonadas, comandando o orfanato Lóczy até 1979 e falecendo 5 anos depois.

Ao longo da jornada, Emmi Pikler se dedicou integralmente ao trabalho com o desenvolvimento das crianças, à produção de materiais escritos, às palestras sobre a área que dominava, mas também à publicação de livros, de forma que se tornou referência nesses âmbitos.

Veja a seguir um dos maiores exemplos desse sucesso.

A abordagem Pikler

A abordagem Pikler surge de um longo e contínuo trabalho de vida de Emmi Pikler. Como mencionamos, a base da metodologia vem da prática quando ela e seu marido criam a filha com liberdade de movimento e desenvolvimento nos primeiros anos de vida, para que a criança crie seu próprio ritmo enquanto os pais entendam e respeitem ele.
Emmi escreve seu primeiro livro onde relata essa experiência para outros pais. Ele foi publicado em 1940 e até hoje é utilizado como base para aplicação da sua abordagem. Depois dessa, outras publicações vieram e continuaram a contar sobre as suas experiências.

Foi em meados da década de 90 que a abordagem se tornou ainda mais disseminada e praticada. Funcionava perfeitamente para aqueles que entendiam que a abordagem:

Necessita do estabelecimento do vínculo de confiança entre o adulto responsável e/ou cuidador e o bebê;
É eficaz porque a criança se sente segura e confortável com o adulto responsável e/ou cuidador para exercer o brincar livre e assim se desenvolver;

Requer conversa com o bebê para incitar o vínculo e a compreensão entre ambas as partes;

Elimina ações que “apressem” o bebê pois isso interfere que ele crie e siga o próprio ritmo, ou seja, o ritmo ideal para o seu desenvolvimento. Isso inclui, por exemplo, colocá-lo em posições que ele não se coloca sozinho.

Gostou de saber sobre Emmi Pikler? Em nosso blog você encontra informações atualizadas sobre ela e outros temas relacionados. Confira!

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More